Governadores do Nordeste definem pauta para diálogo com Jair Bolsonaro

Publicada em 24 de maio de 2019 - 12:39

Imprimir
Governadores do Nordeste definem pauta para diálogo com Jair Bolsonaro

Última atualização: 24 , maio 2019 - 12:42

Antes de participarem de reunião do Conselho Deliberativo da Sudene, nesta sexta-feira (24), em Recife, os governadores do nordeste tiveram um encontro preparatório para definir as pautas que levariam ao presidente da República. O governador Wellintgon Dias participou da reunião, no Palácio do Campo das Princesas, sede do Governo de Pernambuco. Os gestores discutiram pautas pertinentes ao desenvolvimento da região, como geração de empregos, segurança, saúde, educação e turismo.

A reunião do Conselho Deliberativo da Sudene irá tratar da aprovação do plano regional de desenvolvimento para os próximos 12 anos e de um reforço de R$ 2,1 bilhões no orçamento do Fundo Constitucional de Financiamento do Nordeste (FNE).

“Tivemos uma agenda preparatória com alguns membros das equipes e tratamos do acompanhamento para posicionamento dos governadores do nordeste que têm sintonia com os governadores do Brasil sobre a MP do Saneamento para que possamos ter um papel importante nesse processo que viabiliza as condições de investimento direto ou em modelagens de parceria com a participação do setor privado”, disse Wellington.

O chefe do Executivo piauiense destacou ainda o posicionamento dos governadores sobre a Reforma Tributária. “O Brasil precisa de uma reforma, essa é a nossa posição, porém, é preciso ter uma modificação que não piore a situação fiscal dos Estados. É preciso ter uma modelagem com patamar de transição que facilite a vida do setor privado que possa até ter perspectiva com o fim da guerra fiscal de redução de carga tributária, mas sempre com um olhar de não perder uma capacidade de investimento”, enfatizou Dias.

Wellington adiantou que haverá uma proposta para criação de um comitê gestor que tenha uma coordenação dos Estados na definição sobre qualquer mudança na área tributária.

Transportes

O Piauí colocará em pauta, ainda, a retomada da ferrovia Transnordestina, BR 222, BR 020 e o aeroporto de Bom Jesus. Haverá um reforço para as áreas de recursos hídricos, transporte, segurança, saúde, educação e investimentos que possam garantir a atração de participação privada para o estado.

“O que eu vejo de mais positivo nessa reunião é que os governadores vão apresentar um pleito ao Condel e ao presidente para destinar 30% dos recursos do Fundo Constitucional de Financiamento do Nordeste para financiar diretamente os estados. Isso é mais ou menos R$ 9 bilhões por ano. É uma grande pauta que os governadores chegaram a um consenso e que vai trazer efeitos positivos e imediatos para os estados que estão precisando de recursos para bancar infraestrutura e outras demandas”, explicou o diretor da Piauí Fomento, Luiz Carlos Everton, que integra a comitiva do governo piauiense.

Da Redação

Governadores do NE entregam carta com pleitos a Jair Bolsonaro

Publicada em 10 de maio de 2019 - 10:38

Imprimir
Governadores do NE entregam carta com pleitos a Jair Bolsonaro

Última atualização: 14 , maio 2019 - 14:31

Os governadores do Nordeste se reuniram, nessa quinta-feira (9), com o presidente Jair Bolsonaro, no Palácio do Planalto, em Brasília. Na oportunidade, os gestores entregaram uma carta com os pleitos nordestinos para o presidente, com dois eixos principais: educação e infraestrutura.

De acordo com o governador piauiense, na Carta dos Governadores do Nordeste os gestores solicitam um cronograma para a renovação e ampliação do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb); criação de um grupo de trabalho para negociação em razão de condenações judiciais sobre diferenças do Fundef devidas pela União aos Estados; revisão dos cortes anunciado nas universidades e institutos federais e a retomada de obras para aceleração do crescimento econômico e a geração de emprego e renda.

“Temos uma posição firme do Nordeste em defesa de um cronograma para renovação do Fundeb. Financeiramente é muito mais importante para os municípios, porque o Estado é o repassador. Solicitamos uma minuta, já que o fundo tem validade até o próximo ano para que tenhamos logo uma solução, o mais breve possível”, comentou Wellington.

Os governadores do nordeste também se posicionaram quanto ao corte de 30% nos recursos das universidades federais e solicitaram uma revisão por parte do governo federal da decisão. “É um prejuízo muito grande para o Brasil e para o nordeste. Na hora da dificuldade, garantir, pelo menos, aquilo que já estava programado”, disse Dias.

Na área da infraestrutura, os governadores entendem como extremamente necessária a retomada de obras para garantir emprego e renda. “O ministro Paulo Guedes vai se reunir com os secretários da Fazenda dos Estados para tratar do Plano Mansuete, uma política de crédito para os Estados tendo como meta o Superávit, definindo a capacidade de investimento e o diálogo sobre a sessão onerosa e bônus de assinatura”, comentou o chefe do Executivo piauiense.

Assinaram a carta, além de Wellington Dias, os governadores Camilo Santana (Ceará), Paulo Câmara (Pernambuco), Renan Filho (Alagoas), Belivaldo Chagas (Sergipe), Flávio Dino (Maranhão), João Leão (vice-governador da Bahia), João Azevedo (Paraíba) e Fátima Bezerra (Rio Grande do Norte).

Da Redação

Wellington participa de reunião sobre pacto federativo com Jair Bolsonaro

Publicada em 8 de maio de 2019 - 8:48

Imprimir
Wellington participa de reunião sobre pacto federativo com Jair Bolsonaro

Última atualização: 14 , maio 2019 - 14:31

Foto: Agência Senado

O governador Wellington Dias se reúne, no início da manhã desta quarta-feira (8), com o presidente da República, Jair Bolsonaro, em Brasília. Na oportunidade, estarão presentes os demais 26 governadores das Unidades Federativas e os presidentes da Câmara Federal, Rodrigo Maia, e do Senado, Davi Alcolumbre, além de líderes de partidos.

A pauta do encontro é a discussão sobre a renovação do pacto federativo. Também serão debatidas novas receitas e empréstimos que poderão ser trabalhados com base nos eixos do plano de desenvolvimento estadual.

Mudanças no pacto federativo são reivindicadas pelos governadores que querem alterações no relacionamento com a União, no que se refere a questões políticas, sociais e econômicas. A intenção é que, desta forma, os estados possam equilibrar suas contas e aquecer a economia, com uma descentralização do dinheiro recolhido nos impostos.

Da Redação

Em posse, Wellington exige metas e prestação de contas diárias ao novo secretariado

Publicada em 6 de maio de 2019 - 17:26

Imprimir
Em posse, Wellington exige metas e prestação de contas diárias ao novo secretariado

Última atualização: 14 , maio 2019 - 14:31

Em um clima de apresentação de novas metas e desafios, o governador do Piauí, Wellington Dias empossou nesta segunda-feira (06), no Palácio de Karnak, sua nova equipe de gestores para o governo. O chefe do executivo estadual frisou que cada um deles assume com o compromisso de trabalhar para construir um Piauí com uma melhor qualidade de vida e destacou que todos atuarão para servir ao povo piauiense.

“A partir de hoje, não temos mais partidos ou coligações. Formamos um só time, uma só equipe e somos todos servidores do Piauí e dos piauienses. Vamos exigir metas e compromissos, mas quero que cada um preste contas todo dia, a toda hora, ao povo do Piauí, com excelência nos serviços, com atenção, com zelo, com presteza e com responsabilidade”, destacou Wellington.

Em seu quarto mandato à frente do Poder Executivo Estadual, Dias optou por formar uma equipe composta por profissionais com um perfil técnico para cumprir as metas relativas a cada pasta. Os critérios utilizados foram o programa de governo, a capacidade do indicado para cumprir a tarefa e a composição política. Segundo o governador, seu grande objetivo é garantir um índice de alto desenvolvimento para o Piauí.

“O desenvolvimento que propomos é humano e sustentável. Saímos de uma esperança de vida de 65 anos para 72 anos, com mais saúde e mais qualidade de vida. Levamos o ensino médio a todos os municípios e agora seremos o primeiro estado do país a ter ensino técnico e superior em todos os 224 municípios. Tiramos mais de um milhão de piauienses da pobreza extrema. Levamos energia elétrica a mais de 600 mil famílias que viviam à luz de lamparina. Encontramos um estado que tinha apenas 66 cidades ligadas por asfalto, levamos o asfalto a outras 154 cidades e nenhuma cidade do Piauí vai ficar na poeira ou na lama do passado. Mais do que triplicamos o nosso PIB. Tornamo-nos referência em energias renováveis e em parcerias público-privadas. Mais de um milhão de atendimentos no Ceir foram realizados. Temos muitos números grandiosos que desmentem aqueles que querem diminuir o tamanho das nossas realizações, mas ainda temos muito trabalho e muitos desafios pela frente”, ressaltou Wellington.

Segundo o secretário de Educação, Ellen Gera, a sua pasta será gerida tendo como base o formato de escolas acolhedoras e inclusivas para que os alunos possam ter alta expectativa de aprendizagem, com professores de excelência e gestores reconhecidos como líderes. “A educação é uma área de extrema importância para o desenvolvimento do Piauí. Por meio da educação, transformamos a sociedade e vamos fazer com que o estado de fato chegue no estágio de desenvolvimento que o nosso governador espera. Estamos trabalhando para continuar mantendo a presença da escola nos locais estratégicos para que consigamos vencer a dificuldade de acesso às escolas, oferecer um ambiente propício para que o aluno tenha a progressão correta e combater o abandono e evasão escolar”, pontuou o gestor.

Já para Zenaide Lustosa, que assume a Coordenadoria da Mulher, o maior desafio é diminuir os índices de violência contra a mulher. “É um grande desafio principalmente porque vivemos uma conjuntura onde as políticas para as mulheres retrocedem e aumentam o número de feminicídios. Temos que ter mais ações efetivas para minimizar os casos de assassinato e agressão contra as mulheres. A violência passa também pela questão da educação. É todo um processo integrado que precisamos trabalhar para que o Piauí progrida nesse sentido”, disse a gestora.

Nesta terça (7), o governador fará sua primeira reunião com os novos gestores para apresentação dos eixos do Plano de Governo. O plano contém sete eixos estratégicos e um eixo de infraestrutura. Os eixos estratégicos a serem trabalhados serão: geração de renda, inclusão socioprodutiva e qualidade vida; acesso à saúde e vida saudável; educação de qualidade, inclusiva e para formação humana; segurança, prevenção e direitos humanos; gestão eficiente e participação social; meio ambiente, sustentabilidade e recursos hídricos; políticas inclusivas e defesa das minorias, além de infraestrutura para o desenvolvimento e qualidade de vida.

Da Redação

Governador empossa nova equipe em solenidade nesta segunda-feira (06)

Publicada em - 7:52

Imprimir
Governador empossa nova equipe em solenidade nesta segunda-feira (06)

Última atualização: 14 , maio 2019 - 14:31

A solenidade de transmissão de cargo e posse do secretariado desta gestão será realizado nesta segunda (06), às 12h, no Salão Branco do Palácio de Karnak.

O secretário de Governo, Osmar Júnior, esclarece quais foram os critérios utilizados para a escolha dos gestores. “O governador usou três elementos. Primeiro, o programa de governo e depois a capacidade do indicado para cumprir a tarefa e, terceiro, a composição política. Os três foram levados em consideração”, disse.

Já próxima terça (07), o governador deverá se reunir com os novos gestores para apresentação dos eixos do plano de Governo. O plano contém sete eixos estratégicos e um eixo de infraestrutura. Os eixos estratégicos a serem trabalhados serão geração de renda, inclusão socioprodutiva e qualidade vida, acesso à saúde e vida saudável, educação de qualidade, inclusiva e para formação humana. segurança, prevenção e direitos humanos, gestão eficiente e participação social, meio ambiente, sustentabilidade e recursos hídricos, políticas inclusivas e defesa das minorias, infraestrutura para o desenvolvimento e qualidade de vida.

Assim, cada órgão deverá fazer suas adequações visando as metas previstas no Plano para que o Piauí possa alcançar um alto índice de Desenvolvimento Humano até 2022.

Da Redação

Wellington Dias anuncia novo secretariado e marca posse; veja nomes

Publicada em 2 de maio de 2019 - 14:37

Imprimir
Wellington Dias anuncia novo secretariado e marca posse; veja nomes

Última atualização: 14 , maio 2019 - 14:31

O governador Wellington Dias anunciou nesta quinta-feira (02) os nomes que passam a compor o novo secretariado. Após conversas com os diversos partidos que compõem a base de sustentação do governo, Wellington fechou a lista na manhã de hoje.

 

A posse dos novos gestores acontecerá na próxima segunda-feira (06). Durante o anúncio, o governador declarou que fará também uma exposição dos rumos do seu quarto mandato. A nova administração terá sete eixos.

 

Já na terça-feira (07) Wellington Dias reunirá o grupo para a primeira reunião geral com o secretariado.

 

Veja a lista

 

Secretaria de Estado do Governo – Segov

Osmar Ribeiro de Almeida Júnior – Advogado, foi vereador de Teresina, deputado federal pelo Piauí e vice-governador do Estado. Já exerceu os cargos de secretário municipal de Transportes e presidente da antiga Fundação de Cultura e Esporte do Piauí.  Atualmente é secretário de Governo.

 

Secretaria de Administração e Previdência – SeadPrev

Merlong Solano – Professor, historiador, economista, professor da Universidade Federal, deputado estadual, suplente de deputado federal em exercício. Foi secretário de Planejamento e de Governo do Estado do Piauí.

 

Secretaria de Estado da Segurança Pública – SSP

Fábio Abreu – Capitão da Polícia Militar do Piauí, é especialista em Segurança Pública pela Universidade Estadual do Piauí. Está em seu segundo mandato de deputado federal, já foi Secretário de Segurança Pública até abril de 2018.

 

Secretaria de Estado da Fazenda – Sefaz

Rafael Fonteles – Possui graduação em Bacharelado em Matemática e mestrado em Matemática pelo Associação Instituto Nacional de Matemática Pura e Aplicada (2007). É o atual secretário de Estado da Fazenda.

 

Secretaria de Estado do Planejamento – Seplan

Antônio Neto – É Auditor Fiscal da Receita Federal e já atuou como Secretário de Estado da Fazenda do Piauí e Diretor-Presidente da Piauí Fomento. É o atual secretário de Planejamento.

 

Secretaria de Meio Ambiente e Recursos Hídricos

Sádia Castro – jornalista ligada a questões ambientais, mestrado e doutorado em Educação Ambiental. Pós-doutorado em Antropologia Rural na Suécia.

 

Secretaria de Estado da Saúde – Sesapi

Florentino Neto – Advogado e administrador, já ocupou os cargos de Prefeito e Vice-prefeito da cidade de Parnaíba e também de Secretário de Governo de Parnaíba. Já foi Superintendente do Patrimônio da União no Piauí e atualmente é Secretário de Estado da Saúde desde maio de 2017.

 

Secretaria de Estado da Educação – Seduc

Ellen Gera – Professor, servidor público concursado no cargo de analista de Sistemas Sênior, com graduação e pós-graduação em Computação. Desempenhava o cargo de Superintendente de Ensino Superior da instituição, onde coordenava projetos importantes como Pré-Enem Seduc, Canal Educação e a Universidade Aberta do Piauí (UAPI).

 

Secretaria de Estado da Assistência Social, Cidadania e Trabalho – Sasc

José Santana – Advogado, empresário e professor concursado da Secretaria de Educação do Estado do Piauí. Doutorando em Ciências Jurídicas e Sociais e possui especialização em Formação de Gestores Públicos pela Fundação Getúlio Vargas. É deputado estadual e já foi senador da república.

 

Secretaria de Estado da Justiça – Sejus

Carlos Edilson – É Advogado e atualmente exerce a função de subsecretário de Estado da Justiça, no Governo do Estado do Piauí. Sua formação acadêmica contempla os cursos de Pós-graduação “lato sensu” em Direito Eleitoral e Ciências Criminais; bem como, o curso de Bacharelado em Direito.

 

Secretaria de Estado da Infraestrutura – Seinfra

Janaina Marques – tem formação em história. Foi prefeita dos municípios de Joca Marques e Luzilândia. Já exerceu a função de Superintendente de Desenvolvimento Urbano em Teresina e foi secretária de Infraestrutura do Governo do Estado na gestão passada. Atualmente é deputada estadual.

 

Secretaria Estadual para Inclusão da Pessoa com Deficiência – Seid

Mauro Eduardo: Graduado em Administração. É o atual secretário estadual para Inclusão da Pessoa com Deficiência. Foi presidente do Conselho Estadual de Defesa dos Direitos da Pessoa com Deficiência (Conede-PI), perito do Centro de Apoio Operacional de Defesa dos Diretos da Pessoa com Deficiência do Ministério Público Estadual do Piauí, Presidente da Associação dos Deficientes Físicos de Teresina – ADEFT.

 

Secretaria de Estado dos Transportes – Setrans

Manoel Gustavo Costa de Aquino – É engenheiro civil formado pela Universidade Estadual do Piauí. Possui especialização em Saneamento Básico e Ambiental e, também é especialista em Segurança de Barragens.

 

Secretaria de Estado da Defesa Civil – Defesa Civil

Geraldo Magela – Engenheiro civil, experiência na iniciativa privada em projetos e obras de construção civil, terraplenagem, estradas e barragens. Também é empresário da indústria cerâmica. No setor público foi diretor de Recursos Hídricos e atualmente Diretor Geral do Idepi.

 

Secretaria de Estado das Cidades – Secid

Gustavo Xavier – Engenheiro Civil, formado pela Universidade Federal do Piauí. Especialista em estruturas de concreto. Já foi presidente da Gaspisa e exerceu o cargo de secretário Estadual de Cidades como interino nos anos de 2015 e 2018.

 

Secretaria de Estado da Agricultura Familiar

Herbert Buenos Aires – Graduado em Economia e Direito, com MBA em Gestão Empresarial e em Marketing, além de ser especialista em Direito do Consumidor e ex-professor de Administração de Empresas. Foi Superintendente Regional da Caixa Econômica Federal no Piauí e Alagoas, até assumir a diretoria-geral do Instituto de Águas e Esgotos do Piauí. Atualmente é o diretor geral do Instituto de Terras do Piauí (Interpi).

 

Secretaria do Agronegócio

Simone Araújo – Assistente Social, pós-graduada em Gestão Pública, foi secretária de Assistência Social em Beneditinos, secretária municipal de Defesa Civil e coordenadora Geral de Desenvolvimento Social e Lazer.

 

Secretaria de Cultura

Bid Lima (Marlenildes Lima da Silva), é licenciada em Artes Visuais, mestranda em Ciências da Educação; atriz de teatro, cinema, instrutora de dança e teatro, artista visual, figurinista e cenógrafa; foi presidente da Fundação Cultural do Estado e atualmente exerce o cargo de Secretária Estadual de Cultural do Piauí.

 

Secretaria de Mineração, Petróleo e Energias Renováveis

Wilson Brandão – Deputado estadual, formado em Direito, Engenharia Elétrica e História. Já foi secretário de Justiça do Estado do Piauí, secretário de Projetos Especiais e Secretário de Governo.

 

Secretaria de Desenvolvimento Econômico

Igor Nery – Formado em Administração, ex-superintendente de Ciência e Tecnologia, ex-presidente da Companhia PortoPI, e atual secretário de Desenvolvimento Econômico.

 

 

Instituto de Terras do Piauí – Interpi

Francisco Lucas (Chico Lucas) – Procurador do Estado, exerce a advocacia privada na área de Direito Imobiliário. Foi presidente da OAB-PI.

 

Departamento de Estradas de Rodagem – DER 

Castro Neto – É engenheiro, empresário e consultor com duas pós-graduações: Infraestrutura de Transportes e Rodovias e Gerenciamento de Obras e Tecnologia da Construção, ambas na Universidade Paulista (Unip). Também estudou nas Universidades de Kearney e Omaha, em Nebraska – Estados Unidos. Entre os anos de 2010 e 2013, foi secretário de Estado da Infraestrutura. É o atual diretor do DER.

 

Coordenadoria de Comunicação Social – CCOM

Allisson Bacelar – Jornalista, pós-graduado em Gestão da Comunicação Corporativa. Foi secretário executivo de comunicação da Prefeitura de Teresina, assessor de comunicação do Tribunal Regional do Trabalho do Piauí. Atualmente é Diretor de Jornalismo da CCOM.

 

Corpo de Bombeiros Militar do Estado do Piauí

Carlos Frederico – Graduado em Direito pela Universidade Estadual do Piauí. Oficial pela Escola de Formação e Aperfeiçoamento de Oficiais do Corpo de Bombeiros Militar do Estado do Rio de Janeiro (CBMERJ). É coronel desde 2013 e atualmente é o Comandante Geral do Corpo de Bombeiros.

 

Junta Comercial do Estado do Piauí – Jucepi

Alzenir Porto – É empresária, advogada e conselheira da Fecomércio – PI. Já foi titular da Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito de Teresina (Strans) e atualmente é a presidente da Jucepi.

 

Instituto de Desenvolvimento do Piauí – Idepi

Leonardo Sobral – Formado em Direito com MBA em Direito Tributário e gestão pública. Também é especialista em Direito Público. Foi diretor de planejamento da Secretaria Municipal de Saúde de Teresina. Estava exercendo a função de Coordenador do Programa de Combate à Pobreza Rural do Estado do Piauí.

 

Polícia Militar do Piauí

Lindomar Castilho – Formado em Direito e em História. É especialista em Gestão de Segurança Pública. Já foi comandante dos batalhões de Oeiras, Paulistana e Picos e Subcomandante Geral da PMPI. Atualmente é o Comandante Geral da PM.

 

Delegacia Geral

Luccy keiko – Delegado há 11 anos, tendo ingressado na Polícia Civil como agente em 2001. Como delegado, esteve no 10º DP, 12º DP, Gerência de Polícia Especializada, Grupo de Repressão ao Crime Organizado (Greco), além de presidente da associação dos delegados por quatro anos. O último cargo foi à frente da Gerência de Polícia Metropolitana.

 

Zona de Processamento de Exportação – ZPE

Paulo Roberto Cardoso – É contador e advogado, especialista em Direito Tributário. Ocupou o cargo de Secretário de Fazenda do município de Parnaíba e é o atual presidente da ZPE.

 

Ouvidoria

Soraia Castelo Branco – É publicitária, produtora cultural e cantora. É natural de Parnaíba e é a atual ouvidora geral do Estado.

 

Agência de Desenvolvimento Habitacional do Piauí – ADH

Gilvana Gayoso – Assistente social, pós-graduada em Gestão Social, fez parte do quadro de servidores da antiga Cohab. Atualmente é a diretora geral do órgão.

 

Coordenadoria do Idoso

Marllos Sampaio – Bacharel em Direito, é delegado da Polícia Civil onde trabalhou na Delegacia de Polícia Interestadual (Polinter), na Central de Flagrantes e na Delegacia do Idoso. Já foi vice-prefeito da cidade de Esperantina e Deputado Federal. É o atual coordenador do Idoso.

 

Coordenadoria da Juventude

Vicente Gomes – Bacharel em Administração, especialista em Gestão Pública; é atualmente coordenador estadual da Juventude.

 

Coordenadoria da Mulher

Zenaide Lustosa – formada em Letras, especialista em Administração Pública (FGV) e Gerência de Projetos (FGV), mestre em Políticas Públicas. Já presidiu o Conselho Estadual de Mulheres e atualmente é secretária estadual de Mulheres do Partido dos Trabalhadores.

 

Piauí Fomento

Luiz Carlos Éverton de Farias – Atual Diretor Administrativo e Financeiro da Piauí Fomento. Tem ampla experiência na área financeira, já tendo exercido importantes cargos como a diretoria do Banco do Nordeste e a presidência da Codevasf.

 

Coordenadoria de Enfrentamento às Drogas – Cendrogas

Sâmio Falcão – Advogado com atuação na área de Direitos Humanos. Esteve à frente da Cendrogas até abril de 2018.

 

Agespisa

Genival Sales – É servidor de carreira da Agespisa, com 30 anos de experiência no órgão. Natural de Piripiri, Genival foi chefe do escritório da Agespisa nas cidades de Piripiri, Capitão de Campos, Joaquim Pires e Luzilândia. É o atual presidente do órgão.

 

Fundação de Esportes do Piauí – Fundespi

Clemilton Luiz Queiroz Granja – Graduado em Direito pela Universidade Federal do Piauí, com pós-graduação em Direito Processual Civil. Foi diretor geral da Comepi, diretor geral do Imepi e vice-prefeito de Amarante.

 

Departamento Estadual de Trânsito – Detran

Arão Lobão – Advogado e atual diretor geral do Detran-PI

 

Instituto de Águas e Esgotos do Piauí – IAESPI

Luiz Claudio Lima Macedo – Engenheiro Civil e mestre em Saneamento e Saúde Pública pela USP.

 

Agência de Tecnologia da Informação – ATI

Antônio Torres da Paz – Administrador, pós-graduado em Gestão de Pessoas, ex-diretor da Prodepi/ATI de 2003 a 2010, ex-diretor executivo da Associação Brasileira de Entidades Públicas de Tecnologia de 2001 a 2014. Atualmente é diretor de modernização do Governo do Piauí, na Secretaria de Administração.

 

Fundação Hospitalar

Pablo Santos – Deputado estadual, médico e natural de Picos. Já foi diretor presidente da Fundação Hospitalar.

 

 

Empresa de Gestão de Recursos do Piauí – Emgerpi

Décio Solano – É advogado, pós-graduado em Educação e Diretos Humanos, ex-vereador e atual presidente da Emgerpi.

 

Coordenadoria de Fomento à Irrigação

  1. Sá (Benedito de Carvalho Sá), é médico, foi prefeito de Oeiras por duas vezes e deputado federal pelo Piauí por quatro mandatos consecutivos.

 

Controladoria Geral do Estado – CGE

Márcio Rodrigo de Araújo Souza

 

Fundação de Amparo a Pesquisa do Piauí – Fapepi

Antônio Cardoso de Amaral – professor, licenciado em Matemática, Pós-graduado em Matemática do Ensino, mestre em Matemática em Rede Nacional. É professor premiado da escola estadual Augustinho Brandão de Cocal dos Alves-PI.

 

Instituto de Metrologia do Piauí – Imepi

Maycon Danilo – formado em História e Administração, tem especialização em Docência do Ensino Superior e em Auditoria e Perícia Contábil. É o atual diretor do Imepi.

 

Emater

Francisco Guedes Alcoforado Filho – Engenheiro Agrônomo com Mestrado em Botânica, especialista em desenvolvimento regional sustentável, em tecnologias para a agropecuária do semi-árido, em planejamento e administração de empresa pública e em direito administrativo. Foi presidente Nacional da Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba – CODEVASF, presidente do Instituto de Terras do Piauí – INTERPI; diretor Geral do Instituto de Assistência Técnica e Extensão Rural do Piauí – EMATER; secretário de Estado da Assistência Social e Cidadania; e atualmente era presidente da Fundação de Amparo à Pesquisa do Piauí (FAPEPI).

 

Agência de Defesa Agroprecuária – Adapi

José Genilson Sobrinho – engenheiro agrônomo e administrador de empresa

 

Leilane Nunes

AUTORIZAÇÃO

Assembleia aprova autorização para viagem do governador aos EUA

Assembleia aprova autorização para viagem do governador aos EUA

Publicada em 26 de fevereiro de 2019 - 18:08

Imprimir
Assembleia aprova autorização para viagem do governador aos EUA

Última atualização: 11 , maio 2019 - 17:05

Reunida hoje (26) sob a presidência do deputado Wilson Brandão (PP), a Comissão de Constituição e Justiça aprovou, por unanimidade, o Projeto de Resolução 01/2019, da Mesa Diretoria da Assembleia Legislativa, que autoriza viagem de caráter particular do governador Wellington Dias aos Estados Unidos, no período de 02 a 11 de março próximo.

O líder do Governo, deputado Francisco Limma (PT), apresentou parecer favorável ao Projeto de Resolução. Atendendo solicitação da deputada Teresa Britto (PV), Francisco Limma leu a proposição na íntegra. Após a votação, o presidente da CCJ, deputado Wilson Brandão, disse que a matéria deverá ser aprovada na sessão plenária desta terça-feira.

Teresa Britto registrou a presença, na reunião realizada na sala da CCJ, de uma comissão de aprovados em concurso da Polícia Civil. Eles carregavam faixas e cartazes cobrando do governador Wellington Dias a nomeação de novos agentes e peritos pela Secretaria de Segurança Pública do Estado.

Participaram da reunião da Comissão de Constituição e Justiça, além do presidente Wilson Brandão, os deputados Henrique Pires (MDB), vice-presidente da CCJ; Firmino Paulo (PP), Franzé Silva (PT), Francisco Limma, Flora Izabel (PT), Teresa Britto (PV), Lucy (PP) e Zé Santana (MDB).

FÓRUM DE GOVERNADORES

Wellington propõe mudanças na reforma da previdência apresentada pelo Governo Federal

Wellington propõe mudanças na reforma da previdência apresentada pelo Governo Federal

Publicada em 20 de fevereiro de 2019 - 16:06

Imprimir
Wellington propõe mudanças na reforma da previdência apresentada pelo Governo Federal

Última atualização: 11 , maio 2019 - 17:07

O governador Wellington Dias propôs mudanças na proposta de reforma da previdência apresentada nesta quarta (20), pelo ministro da Economia, Paulo Guedes, durante o III Encontro dos Governadores do Brasil, em Brasília. Para o governador, há alguns pontos que podem prejudicar a parcela mais pobre da população. Ele destaca que a reforma é necessária, mas que não se pode colocar a carga sobre as pessoas mais necessitadas.

“Destaco como relevante a iniciativa do ministro Paulo Guedes e do Secretário Nacional Rogério Marinho de comparecer a uma agenda do Fórum dos Governadores. É um momento oportuno para discutirmos essa e outras pautas relevantes, mas já chamei a atenção e destaquei que já vi muita tentativa de reforma ser estragada em razão de alguma coisa que coloque a carga para a parte mais pobre”, comentou.

Wellington pediu para retirar da proposta os benefícios que fazem parte de uma rede de proteção social, como é o caso do Benefício de Prestação Continuada (BPC), das pessoas com deficiência ou daqueles que nunca tiveram renda. “Quando se coloca um aumento da idade para 70 anos e redução no valor do benefício para um grupo que já é necessitado socialmente, isso é muito explosivo. Na verdade, é colocar nas costas dos mais pobres o peso do sacrifício, de forma acima de outro setor que tem salário. É uma coisa que pode estragar as negociações. Por isso, comecei pedindo para retirar isso da reforma”, explicou.

O governador destacou que a retirada desses tópicos abre caminhos para que as outras propostas sejam discutidas lado a lado.

*Ações emergenciais*

O governador Wellington Dias também pediu ao ministro Paulo Guedes uma atenção especial e emergencial à situação financeira em que se encontram os estados atualmente. Ele reforçou que há estados sem conseguir pagar os salários dos servidores e é preciso uma alternativa para encontrar um equilíbrio.

“Precisamos pensar no futuro, mas também temos que tratar o emergencial e levantei a situação de muitos estados que estão hoje sem pagar salários. Há a necessidade de encontrar uma alternativa e o ministro defendeu o fundo de equilíbrio e, dentro do esforço de ajuste, ter antecipação. Esse já é um caminho, mas ficou de o secretário nacional apresentar uma proposta sobre esse tema”, informou.

Dias destacou ainda a necessidade de se ter uma proposta para o crescimento econômico do país. Segundo ele, é o crescimento econômico que dá sustentabilidade para o equilíbrio fiscal, uma vez que crescendo a economia, cresce as receitas e garante o equilíbrio financeiro. Ele disse que é essencial olhar para a geração de emprego e renda no país.

O III Fórum de Governadores do Brasil aconteceu nesta quarta (20), no Centro Cultural do Banco do Brasil, em Brasília.

FERROVIA

Governador trata sobre retomada da ferrovia Transnordestina com a CSN

Governador trata sobre retomada da ferrovia Transnordestina com a CSN

Publicada em 13 de fevereiro de 2019 - 16:18

Imprimir
Governador trata sobre retomada da ferrovia Transnordestina com a CSN

Última atualização: 13 , fevereiro 2019 - 16:18

Durante o cumprimento de sua agenda em São Paulo, na manhã desta quarta-feira (13), o governador Wellington Dias esteve com o consultor da Companhia de Siderúrgica Nacional (CSN), Marconi Perillo. A pauta foi a retomada das obras da Ferrovia Transnordestina no Piauí.

A obra estava parada por uma determinação do Tribunal de Contas da União (TCU). “Os últimos estudos apontaram a viabilidade da Transnordestina que foi questionada pelo TCU. São necessários pelo menos de 8 milhões toneladas por ano a ser transportada para ser considerada viável. Já chegamos ao número de 14 milhões”, disse o governador.

Com a retomada da obra, mais de quatro mil empregos poderão ser gerados no Piauí. “Estamos falando da maior ferrovia que estava em construção com um trecho de 400km dentro do Piauí, na região de Simões, Curral Novo, Paulistana em direção à Eliseu Martins onde está previsto um projeto para o escoamento da produção dessa região dos cerrados. A retomada vai gerar emprego e renda para os piauienses”, informou.

A Transnordestina prevê 1.753 quilômetros de ferrovia, beneficiando 81 municípios – 18 no Piauí, 28 no Ceará e 35 em Pernambuco. São 395 km de ferrovia em território piauiense.

REFORMA

Governador visita obras de reforma da Defensoria Pública do Piauí

Governador visita obras de reforma da Defensoria Pública do Piauí

Publicada em 5 de fevereiro de 2019 - 15:56

Imprimir
Governador visita obras de reforma da Defensoria Pública do Piauí

Última atualização: 5 , fevereiro 2019 - 15:56

O governador Wellington Dias esteve, na manhã desta terça-feira (05), vistoriando as obras de reforma do Núcleo Central da Defensoria Pública do Piauí. A defensora pública geral, Hildeth Evangelista, acompanhou o governador durante a visita.

O novo prédio está previsto para ficar pronto em setembro deste ano e terá recepção com elevador, coleta seletiva, estacionamento coberto, auditório para 90 pessoas, playground e espaço totalmente acessível. “Queremos um atendimento humanizado para a população do Piauí, principalmente quem procura nosso núcleo central. Essa obra é a realização de um sonho e estamos muito felizes”, disse Hildeth.

Estão sendo investidos recursos na ordem de R$ 3.762.103,28 para a reforma do prédio. O governador reconhece a importância da obra para o atendimento de usuários que buscam a defensoria diariamente. “Sei da importância de um local totalmente adequado para atender à demanda tanto dos profissionais quanto das milhares de pessoas que buscam esse serviço. Aproveito para destacar o empenho de toda a equipe da Defensoria Pública”, afirmou.

O projeto de reforma do Núcleo Central da Defensoria foi apresentado ao governador Wellington Dias em junho de 2018. Na época, Hildeth Evangelista informou ao chefe do executivo que a reforma era necessária para que o prédio pudesse ser devidamente adequado ao atendimento, cada vez mais crescente.