Estupro de vulnerável

Menina de 13 anos violentada pelo tio dá a luz em Nazária

O agressor até o momento não foi preso.

Publicada em 23 de agosto de 2018 - 16:03

Imprimir
Menina de 13 anos violentada pelo tio dá a luz em Nazária

Última atualização: 23 , agosto 2018 - 16:03

Uma garota de apenas 13 anos foi estuprada pelo tio materno, acabou engravidando e no último domingo, (19/08), deu a luz a uma criança, na cidade de Nazária do Piauí, distante a 39,5km de Teresina. O agressor até o momento não foi preso.

O pai da menina denunciou o crime nessa quarta-feira, (22/08), na Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente. Em depoimento, o pai relatou que o crime teria acontecido em dezembro de 2017, quando a menina passou as férias na casa de familiares em Nazária.

“Ele pegou minha filha a força. A gente não percebeu a barriga dela, porque ela é forte e pensávamos que era gordura. Domingo, ela sentiu as dores e teve o menino. Ela me contou que não falou antes, porque tinha medo. Minha filha só tem 13 anos”, lamentou. 

Segundo o pai da menor, as autoridades alegaram que a prisão do elemento pode demorar, porque o crime não é considerado flagrante.

“Um indivíduo desse não tem residência própria e não tem emprego fixo. Recebi a informação de que uma irmã dele está mandando dinheiro para ele ir embora para São Paulo. Estou pedindo Justiça, porque se eu botar as mãos nele, antes da Justiça, eu vou fazer ela com as próprias mãos”, ameaça.

A Delegacia está aguardando os laudos da Maternidade Evangelina Rosa para dar início ao inquérito.

 

Estupro à vulnerável

Tio é preso por estuprar duas sobrinhas no Maranhão 

José Ribamar Pereira dos Santos foi transferido para a Unidade Prisional de Ressocialização de Itapecuru e será autuado pelo crime de estupro à vulnerável. 

Publicada em 5 de julho de 2018 - 15:25

Imprimir
Tio é preso por estuprar duas sobrinhas no Maranhão 

Última atualização: 5 , julho 2018 - 15:25

José Ribamar Pereira dos Santos, 54 anos, conhecido como Zequinha, foi preso acusado de estuprar duas sobrinhas na madrugada desta quarta-feira, (04/07), no Povoado Guaraci da cidade de Itapecuru Mirim, no Maranhão. Os crimes teriam acontecido no Povoado Entroncamento.

Segundo o delegado de Itapecuru Mirim, Samuel Morita, o elemento foi preso após a prisão preventiva ser decretada e ele foi transferido para a Unidade Prisional de Ressocialização de Itapecuru e será autuado pelo crime de estupro à vulnerável.