Wellington participa de reunião sobre pacto federativo com Jair Bolsonaro

Publicada em 8 de maio de 2019 - 8:48

Imprimir
Wellington participa de reunião sobre pacto federativo com Jair Bolsonaro

Última atualização: 14 , maio 2019 - 14:31

Foto: Agência Senado

O governador Wellington Dias se reúne, no início da manhã desta quarta-feira (8), com o presidente da República, Jair Bolsonaro, em Brasília. Na oportunidade, estarão presentes os demais 26 governadores das Unidades Federativas e os presidentes da Câmara Federal, Rodrigo Maia, e do Senado, Davi Alcolumbre, além de líderes de partidos.

A pauta do encontro é a discussão sobre a renovação do pacto federativo. Também serão debatidas novas receitas e empréstimos que poderão ser trabalhados com base nos eixos do plano de desenvolvimento estadual.

Mudanças no pacto federativo são reivindicadas pelos governadores que querem alterações no relacionamento com a União, no que se refere a questões políticas, sociais e econômicas. A intenção é que, desta forma, os estados possam equilibrar suas contas e aquecer a economia, com uma descentralização do dinheiro recolhido nos impostos.

Da Redação

ZÉ PEREIRA

Reunião do Corso apresenta esquema de segurança, trânsito e saúde

Reunião do Corso apresenta esquema de segurança, trânsito e saúde

Publicada em 20 de fevereiro de 2019 - 14:57

Imprimir
Reunião do Corso apresenta esquema de segurança, trânsito e saúde

Última atualização: 11 , maio 2019 - 17:07

Durante a reunião geral com órgãos envolvidos na realização do Corso de Zé Pereira, realizada nesta quarta-feira (20), foram apresentados os detalhes das novidades culturais, da segurança e saúde do evento, que será realizado neste sábado (23), às 16h, na avenida Raul Lopes, zona Leste.

A reunião teve como objetivo apresentar os planejamentos de cada órgão, principalmente no que diz respeito aos foliões. De acordo com o Tenente Coronel Canuto da Policia Militar, esta edição conta com 639 policiais distribuídos em três turnos, além de elevados, câmeras, drones, cavalaria, 180 agentes disponibilizados pela Secretaria de Segurança, 60 policiais civis. Serão 117 agentes de trânsito trabalhando na Operação Corso 2019.

O Corso de Zé Pereira conta com 13 pontos de bloqueios, com cerca de 12 policiais cada, onde os mesmos farão a revista de todo folião que deseja passar para o corredor da folia. “Acreditamos que esse ano será melhor que ano passado, principalmente a revista que será realizada em todos os foliões nos pontos de bloqueios”, afirmou Coronel Canuto.

Entre os temas debatidos, a saúde da população teve destaque. Segundo a diretora do SAMU, Francina Amorim, a expectativa é que esta edição tenha baixos números de ocorrências graves. “Estamos na expectativa que, assim como ano passado, os números de ocorrência que precise deslocamento para hospitais sejam baixos devido nossa equipe e a toda segurança instalada no evento”, disse.

Ainda de acordo com a diretora, o atendimento de urgência envolve toda rede municipal de saúde, com equipes redobradas no Hospital do bairro Primavera, zona Norte, que será destinado para casos menores, e HUT para casos de maior gravidade, além da equipe instalada no Centro Integrado do Corso, com médico, enfermeiros, técnicos de enfermagem e socorristas.

Na parte cultural foi apresentado o mapa oficial do evento, com a disposição de portais de entrada e palcos culturais. Serão quatro palcos temáticos ao longo da Avenida Raul Lopes, sendo que cada um irá homenagear uma personalidade carnavalesca da cidade. O palco de marchinhas presta homenagem ao compositor My Brother; o de samba e pagode ao músico Mestre Colombo; no axé a homenagem será para a atriz Lari Salles; e na música eletrônica será a coreógrafa Samantha Menina.

Trânsito no Corso

O trajeto do Corso foi mudado devido a melhor mobilidade da população, sendo interditada somente a avenida Raul Lopes que dá acesso ao evento. A interdição será a partir das 14h, do dia 23.

Para o diretor de operações e fiscalização da Superintendência de Transportes e Trânsito (Strans), Jaime Oliveira, não há necessidade para fechar pontes e vias que são correntes de travessia entre zonas. “Este ano a Ponte Estaiada ficará aberta, sendo interditada somente a alça que dá acesso à avenida Raul Lopes. Fora isso, a concentração de caminhões será feita na própria avenida pensando em não atrapalhar o fluxo de carros na cidade”, ressaltou.

REUNIÃO

MP/PI ouve críticas dos usuários sobre transporte público de Teresina

MP/PI ouve críticas dos usuários sobre transporte público de Teresina

Publicada em 11 de fevereiro de 2019 - 16:02

Imprimir
MP/PI ouve críticas dos usuários sobre transporte público de Teresina

Última atualização: 11 , fevereiro 2019 - 16:02

O Ministério Público Estadual realizou uma audiência pública, por meio da 32ª Promotoria de Justiça, com auxílio da 28ª Promotoria de Justiça, sendo representadas, respectivamente, pelas promotoras Maria das Graças do Monte Teixeira e Marlúcia Gomes Evaristo Almeida. O objetivo da audiência, que aconteceu na última sexta-feira (8), foi verificar denúncias sobre a qualidade do transporte coletivo municipal e a obrigatoriedade à informações claras para a população como alterações das linhas e itinerários, que fazem parte do Inquérito Civil Público nº 05/2017 e teve a presença de representantes da Associação dos Cadeirantes de Teresina (ASCAMTE).

Os representantes da ASCAMTE tiveram a oportunidade de relatar suas dificuldades e as reclamações perante o serviço prestado pelas empresas de Teresina. O usuário do sistema Antônio Wilson Oliveira, destacou os estudos que elaborou no ano de 2018, apontando problemas de acessibilidade nos transportes coletivos, sugerindo possíveis correções das irregularidades. Essa análise foi levada à Strans, mas afirma não ter recebido retorno da instituição. O também usuário do transporte municipal, Paulo Sousa Lima, abordou a importância da Defesa do Consumidor e destacou o trabalho feito pelas promotoras Maria das Graças do Monte Teixeira e Marlúcia Gomes Evaristo.

 

Diante do que foi exposto, as promotoras decidiram por atuar em conjunto e foi determinado um ofício à Strans pedindo, entre outras coisas, o número total de veículos em circulação, o número de veículos acessíveis, número de veículos fiscalizados, quantidade de veículos com problemas nas plataformas elevatórias, quantidade de multas aplicadas aos prestadores dos serviços de transporte coletivo, a apresentação mensal dos relatórios de fiscalização junto ao Ministério Público e também que esteja presente no ofício sobre o problema nas plataformas elevatórias – se é um serviço que pode ser solucionado pelas empresas prestadoras do serviço ou se deve ficara  cargo de outra instituição.

Barragem Poço de Marruá não possui Plano de Segurança, diz presidente do IDEPI

Publicada em 7 de fevereiro de 2019 - 16:45

Imprimir
Barragem Poço de Marruá não possui Plano de Segurança, diz presidente do IDEPI

Última atualização: 7 , fevereiro 2019 - 16:45

O Ministério Público do Estado, por meio do Centro de Apoio Operacional de Defesa do Meio Ambiente (CAOMA), promoveu uma audiência para discutir a segurança das barragens no Piauí. A Promotora de Justiça Denise Aguiar, coordenadora do CAOMA, abriu a audiência explicando a importância de se discutir tal assunto, frente ao caso recente de rompimento da barragem de Brumadinho (MG). A Promotora de Justiça Ednólia Evangelista, titular em Jaicós, também participou da condução da reunião.

O Superintendente de Recursos Hídricos da Secretaria Estadual de Meio Ambiente e Recursos Hídricos (SEMAR), Romildo Mafra, ressaltou que, em relação ao relatório de fiscalização das barragens, realizado em 2017 pela Secretaria, o grau de alto risco apontado pelos relatórios deve-se, em grande parte, à insuficiência de documentos e projetos. Afirmou ainda que não há licenciamento ambiental e outorga de uso de água em favor da Barragem de Poço de Marruá, em Patos do Piauí.

O Presidente do Instituto de Desenvolvimento do Piauí (IDEPI), Geraldo Magela, afirmou que a Barragem Poço de Marruá não possui o Plano de Segurança de Barragem e que a elaboração desse Plano não envolve apenas questões técnicas e construtivas, tratando ainda de outras questões complexas, como o plano emergencial. Além da dificuldade financeira, há dificuldade para contratação de profissionais. O Presidente pontuou que no Brasil há somente 19 profissionais de engenharia especialistas em segurança de barragens, e que desde o rompimento da Barragem de Brumadinho o IDEPI intensificou as atividades de fiscalização nas barragens sob sua responsabilidade. Finalizou ainda afirmando que não há nenhuma barragem com risco iminente de rompimento no Estado do Piauí, sendo a Barragem do Bezerro, em José de Freitas, a que está está em situação mais crítica. A questão mais preocupante no que ser refere à Barragem Poço de Marruá, segundo ele, consiste nas deficiências da casa de comando, relacionadas à verificação dos circuitos elétricos e de controle de vazão.

O representante do IBAMA, Rômulo Pedrosa, ressaltou a preocupação sobre a ocorrência de rompimento de barragens, mesmo com a existência de laudos periciais que indicam a ausência de riscos, e sugeriu a formação de um Comitê Estadual para tratar de segurança de Barragens. O representante do IDEPI, Lécio Bezerra, afirmou que levou ao Secretário de Meio Ambiente a proposta que lista a documentação necessária à regularização das barragens administradas pelo IDEPI, e que há recursos assegurados para as obras de reforma de quatro barragens no Estado do Piauí: Bezerro, em José de Freitas; Emparedados, em Campo Maior; Pedra Redonda, em São Raimundo Nonato; e Petrônio Portela, em Conceição do Canindé.

Como deliberação, foi determinado que no prazo de 30 dias o IDEPI obtenha junto à SEMAR informações sobre os requisitos para regularização relativa à segurança e licenciamento ambiental da Barragem Poço de Marruá. O IDEPI também deverá encaminhar à SEMAR cópia dos projetos básico e executivo da Barragem Poço de Marruá. A Superintendência de Recursos Hídricos da SEMAR comprometeu-se a apresentar, no prazo de 180 dias, informações sobre o procedimento de licenciamento ambiental e regularidade junto às exigências de segurança da Barragem, informando ao Ministério Público sobre o cumprimento dessa deliberação.

Saúde

HGV deve iniciar cirurgias bariátricas no final de setembro

O secretário e a presidente da Fundação visitaram as enfermarias da cirurgia bariátrica

Publicada em 5 de setembro de 2018 - 10:39

Imprimir
HGV deve iniciar cirurgias bariátricas no final de setembro

Última atualização: 5 , setembro 2018 - 10:39

20 de setembro, essa é a data prevista pelo Hospital Getúlio Vargas (HGV), para que iniciem as primeiras cirurgias bariátricas no local. Para alinhar os últimos detalhes do procedimento, estiveram reunidos na manhã desta terça-feira (04), a diretora-geral, Fátima Garcez, o secretário da Saúde do Estado, Florentino Neto, e a presidente da Fepiserh, Natália Monteiro.

Na ocasião, o secretário e a presidente da Fundação visitaram as enfermarias da cirurgia bariátrica e conheceram a equipe que vai participar do serviço, composta por assistente social, fisioterapeuta, nutricionista e psicóloga.

Também participaram da reunião, o coordenador do serviço de cirurgia bariátrica, José Rodrigues, a assessora de planejamento, Ana Célia Santos, a gerente de enfermagem do HGV, Cecília Viana, e o engenheiro responsável pela obra, Fauze Simão.

Redação Piauí Agora

Melhorias

Setut terá banco de dados para atualização cadastral de estudantes

O Setut e a Seduc farão campanhas mobilizadoras para atualização de dados cadastrais de estudantes e contarão com a tecnologia para facilitar o processo. 

Publicada em 29 de agosto de 2018 - 16:25

Imprimir
Setut terá banco de dados para atualização cadastral de estudantes

Última atualização: 29 , agosto 2018 - 16:25

O Sindicato das Empresas de Transportes Urbanos de Passageiros de Teresina (SETUT), em reunião realizada nessa terça-feira, (28/08), tratou de recursos que facilitem a atualização cadastral de estudantes.

O Setut e a Seduc farão campanhas mobilizadoras para atualização de dados cadastrais de estudantes e contarão com a tecnologia para facilitar o processo.

De acordo com Hélder Jacobina, secretário estadual da educação, a ideia é promover uma integração dos bancos de dados, para facilitar o processo de atualização para os estudantes.

“Vamos fazer um planejamento para iniciar esse processo de atualização cadastral de forma mais ágil”, pontua.

Para Idina Cristina, coordenadora executiva do Setut, a parceria com a Seduc é fundamental para prestar um serviço de qualidade e acessível aos estudantes.

 

definições

Pré-candidatos do PT se reúnem com Dias para definir estratégias nas eleições 2018

W. Dias será condutor da estratégia

Publicada em 19 de junho de 2018 - 10:02

Imprimir
Pré-candidatos do PT se reúnem com Dias para definir estratégias nas eleições 2018

Última atualização: 19 , junho 2018 - 10:02

Todos os pré-candidatos a deputado estadual e federal do PT no Piauí, além da pré-candidata a senadora, Regina Sousa, estiveram reunidos no último domingo, (17/06), com o governador Wellington Dias. O encontro teve como objetivo definir as estratégias das eleições 2018.

De acordo com o vereador Dudu (PT), Wellington Dias será o condutor do processo. “Tanto a executiva, como os pré-candidatos, reafirmam a confiança plena no governador para conduzir o processo. Ele tem toda a autonomia e autoridade para isso”, explicou.

O partido também tem discutido a possibilidade de sair com chapa pura no pleito de 2018 para as eleições de deputados estaduais e federais. Ainda de acordo com o parlamentar, o partido mantém a discussão sobre o assunto.

“Eu tenho defendido que esse seja o posicionamento do PT, mas tudo no partido é feito de forma democrática, então vamos manter o debate sobre o assunto para que cheguemos a essa definição”, completou Dudu.

Redação Piauí Agora

após reunião

Governo avança nas negociações com servidores da saúde

Os servidores estiveram mobilizados em frente ao Palácio de Karnak, Centro de Teresina.

Publicada em 15 de junho de 2018 - 12:40

Imprimir
Governo avança nas negociações com servidores da saúde

Fonte: Redação Piauí Agora

Última atualização: 15 , junho 2018 - 12:40

A reunião entre a Diretoria do Sindicato dos Servidores da Saúde do Piauí (Sindespi) com o Governo, nesta quinta-feira (14/06), trouxe avanços em relação a algumas reivindicações da categoria. Os servidores estiveram mobilizados em frente ao Palácio de Karnak, Centro de Teresina.

De acordo com o Sindespi, como resultado da reunião ficando acertados os seguintes pontos:

-Exclusão da Insalubridade e Adicional Noturno do cálculo do salário mínimo, já valendo para o mês de junho;

-Enquadramento dos Atendentes de Enfermagem, que estiverem com a documentação regularizada, sendo reconhecidos como profissionais de saúde no Plano de Carreira dos profissionais de Saúde. Foi solicitado pelo Sindespi e definido que a análise dessa documentação será feita pela Comissão de Enquadramento, na Secretaria de Administração;

-Aumento do Teto do Vale Transporte de R$ 1850 para R$ 2.200;

-Reajuste linear de 2,95% correspondente a correção da inflação do ano anterior;

Segundo a presidente Edna Martins, o resultado da reunião ainda será redigido e o documento oficial entregue para a assinatura dos secretários de Saúde e Administração.

reunião

TCE e vereadores trataram sobre auditoria do sistema Inthegra

TCE-PI é um órgão de controle externo responsável por examinar as contas do Estado

Publicada em 14 de junho de 2018 - 9:59

Imprimir
TCE e vereadores trataram sobre auditoria do sistema Inthegra

Fonte: Redação Piauí Agora

Última atualização: 14 , junho 2018 - 10:19

Em visita ao Tribunal de Contas do Estado do Piauí (TCE-PI) nesta quarta-feira (13/06), o presidente Olavo Rebelo, recebeu o presidente da Câmara dos Vereadores Jeová Alencar, e o vereador Dudu (PT). Eles trataram de vários assuntos, dentre eles, as auditorias em relação ao sistema Inthegra.

Segundo Dudu, a reunião no Tribunal de Contas foi positiva e importante para esclarecer pontos técnicos referentes as questões.

“Entendemos que são os órgãos de controle externo que fazem com que o executivo e o legislativo possam melhor gerenciar recursos públicos. O TCE-PI é um importante órgão para manter esse controle”, finalizou o vereador.

Questionado sobre o sistema Inthegra, o vereador diz que espera que as obras tragam bons efeitos para o fluxo da cidade, mas que até agora não obteve bons resultados. “Reforço que não faço críticas ao sistema. Eu quero acreditar e espero que ele seja eficaz”, afirma.

O TCE-PI é um órgão de controle externo responsável por examinar as contas do Estado, bem como o órgão fundamental para investigar a lisura dos processos que envolvem os poderes públicos.

 

Mais de 50 dias em greve

Policiais Civis do Piauí decidem por continuar greve

De acordo com o Sinpolpi, mais de 80% da categoria concorda com a permanência da greve.

Publicada em 23 de maio de 2018 - 10:05

Imprimir
Policiais Civis do Piauí decidem por continuar greve

Fonte: Redação Piauí Agora

Última atualização: 23 , maio 2018 - 10:05

Após completar 50 dias em greve, os policiais civis do Piauí estiveram reunidos na manhã desta terça-feira (22/05) em assembleia geral na sede do Sindicato dos Policiais Civis de Carreira do Estado do Piauí (Sinpolpi). A categoria decidiu por unanimidade continuar em greve.

De acordo com o Sinpolpi, mais de 80% da categoria concorda com a permanência da greve. A categoria chama atenção do Governo do Estado para uma negociação.

A GREVE

Os policiais votaram a favor da greve no dia 16 de março desde ano durante assembleia. Mais de 200 policiais civis participarem e decidiram pelo movimento, que iniciou no dia 3 de abril de 2018 e, desde então, estão sendo atendidos somente casos de crimes contra a vida, contra crianças e idosos e estupro