Casa do Hip Hop

PM divulga nota após abordagem polêmica em evento no Parque Piauí

O evento foi realizado pelo Serviço Social do Comércio do Piauí (Sesc-PI), na Casa do Hip-Hop, espaço cultural localizado no bairro Parque Piauí.

Publicada em 10 de agosto de 2018 - 11:00

Imprimir
PM divulga nota após abordagem polêmica em evento no Parque Piauí

Última atualização: 10 , agosto 2018 - 11:26

Uma suposta abordagem violenta na noite da última quarta-feira (08) realizada pela Polícia Militar na Casa do Hip Hop, localizada no Parque Piauí, zona Sul de Teresina, causou polêmica nas redes sociais. Devido à repercussão negativa, a PM emitiu uma nota  explicando a ação.

De acordo com a Diretoria de Comunicação Social da Polícia Militar, o Comando do 6°BPM recebeu dois ofícios solicitando providências da PM, alegando que no local onde o evento estava sendo realizado, a Casa do Hip Hop, menores de idade estavam usando drogas e ingerindo bebidas alcoólicas.

Ainda segundo a nota, os ofícios teriam sido enviados pela Associação dos Moradores do Parque Piauí e o outro da Fundação “Populus Rationabilis” (Programa Social Força Mirim).

“Foram empenhadas duas Viaturas, a fim de fazerem a averiguação da denúncia, ao chegarem no referido baile de hip-hop, as guarnições  depararam-se com a realização de um evento em local com baixa luminosidade,  inadequado para uma diversão, e propício para a prática de uso de entorpecentes e outros delitos”, afirmou a nota.

A PM também nega que ocorreram ações violentas. “as abordagens foram realizadas pelas guarnições, dentro das normas legais, resguardando os direitos dos cidadãos e de todos os presentes no local”, finaliza.

O CASO

O evento foi realizado pelo Serviço Social do Comércio do Piauí (Sesc-PI), na Casa do Hip-Hop, espaço cultural localizado no bairro Parque Piauí. Os relatos publicados nas redes sociais questionavam a abordagem dos policiais e alegavam que não eles tinham nenhum mandado.

Será que uma abordagem sendo feita dessa forma está certa?.parar um evento do Sesc Amazônia na casa de hip-hop pra uma…

Publicado por Alysson Pangulim em Quinta-feira, 9 de agosto de 2018

Será que uma abordagem sendo feita dessa forma está certa?.Parar um evento do Sesc Amazônia na casa de hip-hop pra uma abordagem sem mandado nem nada? Pedir pra que os artistas das bandas encostem na parede pra ser feito “procedimento de denuncia”. Enquanto bandidos roubam e SUCATEIAM nossas cidades, porcos fardados são levados a humilhar artistas e oprimir a cultura hip-hop dessa forma”.

O Sesc-PI também emitiu uma nota, afirmando que a assessoria jurídica da instituição está analisando as possíveis medidas cabíveis.

Polêmica

Wesley Safadão se pronuncia pela 1º vez sobre pensão

O cantor comentou o caso em seu perfil oficial no Instagram, nos Stories.

Publicada em 24 de julho de 2018 - 21:49

Imprimir
Wesley Safadão se pronuncia pela 1º vez sobre pensão

Última atualização: 25 , julho 2018 - 10:37

Wesley Safadão decidiu se pronunciar na tarde desta terça-feira, (24/07), pela primeira vez a respeito da polêmica sobre a pensão do filho Yhudy, fruto de sua união com a ex-esposa, Mileide Mihaile. O cantor comentou o caso em seu perfil oficial no Instagram e nos Stories, onde agradeceu aos fãs que o apoiam e sabem de sua história e da relação que tem com os filhos.Nos vídeos, Safadão se emociona e fala o quanto está sendo difícil ser julgado sem ter até então se pronunciado sobre o caso.

“Dói muito é ver que estou sendo julgado sobre esse assunto da minha vida particular, mesmo sem eu ter me pronunciado. E toda história que se conta existem três lados, duas versões  e a verdade. E o tempo é o senhor da razão”, iniciou.

O cantor desabafou que este pronunciamento não foi fácil de ser feito e que se manteve em silêncio durante esse tempo, porque não quer que os filhos sofram as consequências da exposição diante de sua fama.

“O que eu não quero jamais é que ele (Yhudy) veja o pai falando da mãe. Os meus filhos sempre vão ter o melhor que eu puder dar. Por isso que me dói muito essa injustiça perante o meu papel de pai, que todo dia, eu tento exercer com maior amor do mundo”, destacou.

OBRIGAÇÕES JUDICIAIS

Além de seu papel como pai, Wesley Safadão contou sobre suas obrigações definidas pela Justiça ainda em 2012, com o fim de sua união estável.

“Em 2015, quando graças a Deus minha vida começou a mudar, além do valor da pensão, eu passei a oferecer um valor a mais. Além de outros pedidos. Então, quero deixar bem claro que não foi só 10 salários mínimos. A única coisa que eu quero é que tudo isso seja resolvido. Eu nunca vou deixar faltar nada para os meus filhos. Por se tratar de um processo que segue em segredo de Justiça, eu não posso estar aqui detalhando muita coisa, mas vocês podem ter certeza de uma coisa, que eu vou fazer o que for melhor para o meu filho”, pontuou.

 

cantor está sendo criticado

Em meio à polêmica, Anitta diz que Nego do Borel é ‘ingênuo’

No clipe, Nego interpreta um homossexual e chega a beijar outro homem. No entanto, a comunidade relembrou de uma foto na qual o cantor aparece com Jair Bolsonaro e seu filho

Publicada em 11 de julho de 2018 - 12:18

Imprimir
Em meio à polêmica, Anitta diz que Nego do Borel é ‘ingênuo’

Última atualização: 11 , julho 2018 - 12:21

O clipe da canção de “Me Solta”, lançado na última segunda-feira (09) por Nego do Borel, ainda está dando o que falar. Enquanto a comunidade LGBT+ e simpatizantes criticam o conteúdo do clipe e a postura do cantor, a cantora Anitta saiu em defesa do amigo.

No clipe, Nego interpreta um homossexual e chega a beijar outro homem. No entanto, a comunidade relembrou  uma foto na qual o cantor aparece com Jair Bolsonaro e seu filho, em um momento de descontração. A crítica em relação ao clipe é se Nego estaria sendo oportunista.

Já Anitta, vendo toda a situação, publicou uma mensagem de feliz aniversário ao cantor, que completou 26 anos nesta terça-feira (10), e aproveitou para dar conselhos ao amigo: “Que você me escute um pouco mais pelo amor de Deus”.

Em seguida, uma fã pergunta sobre o clipe polêmico e Anitta reafirma que Nego ainda é “ingênuo”, porém, não concorda com tudo que ele faça.