PF prende família e dois funcionários acusados de fraude ao INSS no Piauí

Publicada em 15 de maio de 2019 - 11:57

Imprimir
PF prende família e dois funcionários acusados de fraude ao INSS no Piauí

Última atualização: 18 , maio 2019 - 14:25

A Polícia Federal prendeu sete pessoas da mesma família e dois funcionários do Instituto Nacional de Seguridade Social (INSS) na manhã desta quarta-feira (15). A quadrilha é acusada de fraudar a Previdência com o auxílio de pessoas que transferiam benefícios do Maranhão para o Piauí após a morte dos titulares.

Segundo a investigação, 639 benefícios previdenciários fraudados foram identificados. Foram cumpridos 21 mandados de prisão e 31 de busca e apreensão expedidos pela 3ª Vara Federal de Teresina. Desde às 5h30 de hoje, 125 policiais dos estados do Piauí, Ceará, Maranhão, Rio Grande do Norte, Paraíba e Pernambuco participam da operação.

A Justiça Federal determinou a suspensão dos benefícios em que foram atestadas as fraudes, medida que evitará um prejuízo futuro estimado em R$ 80 milhões. Foi determinada ainda a apreensão de veículos, bloqueio das contas bancárias dos presos e a suspensão do exercício da função pública para os servidores do instituto.

Os investigados deverão responder pelos crimes de associação criminosa (artigo 288 do CPB), estelionato qualificado (artigo 171, § 3º, do CPB), falsidade ideológica (artigo 299 do CPB), uso de documento falso (artigo 304 do CPB), corrupção passiva (artigo 317, §1º, do CPB) e corrupção ativa (artigo 333, p. u., do CPB).

Leilane Nunes

Polícia civil faz operação e prende nove acusados de estupros no Piauí

Publicada em 10 de maio de 2019 - 8:28

Imprimir
Polícia civil faz operação e prende nove acusados de estupros no Piauí

Última atualização: 14 , maio 2019 - 14:31

A Polícia Civil realiza nesta sexta-feira (10) a operação Indignus para prender 11 acusados de estupro no Piauí. Um dos acusados é ex-funcionário do Banco do Brasil e foi preso no município de Piracuruca. Até o momento, nove foram presos.

Segundo o delegado Willame Moraes, coordenador da Divisão de Captura da Polícia Civil, a grande maioria das vítimas desses acusados são pessoas dos círculos familiares. “Temos também um ex-militar que está sendo acusado de estuprar a filha menor de idade na época do crime. Temos casos gravíssimos. Tem um tio acusados de estuprar uma sobrinha de dois anos”, disse.

Entre os presos estão: Leandro da Silva Martins; Jesus James dos Santos Silva; Ismael da Silva; Francisco Carlos Mesquita de Moraes
Francisco das Chagas Escórcio de Meneses; Francisco Darlan Sales da Silva; e Wiliam “Maguim”.

“O estupro ofende a dignidade sexual. Escolhemos essa data por conta do mês das mães e não existe mulher mais importante para o ser humano do que a mãe. O estupro é um crime hediondo e exige um cumprimento de pena exemplar”, explica Willame Moraes.

Ainda de acordo com o delegado, há a intenção de dar mais estrutura para a Divisão de Captura da Polícia Civil no sentido de transformá-la em delegacia. “Temos hoje mais de 6 mil mandados de prisão em aberto. Para isso temos que ter mais estrutura. Temos crimes violentos, hediondos, com mandados de prisão em aberto. Fazemos esse tipo de operação para chamar a atenção da sociedade para esses tipos de crimes”, destaca.

Leilane Nunes

ABRE ALAS

Operação da PRF chega em Piripiri e retira 38 veículos de circulação por irregularidades

Operação da PRF chega em Piripiri e retira 38 veículos de circulação por irregularidades

Publicada em 27 de fevereiro de 2019 - 11:31

Imprimir
Operação da PRF chega em Piripiri e retira 38 veículos de circulação por irregularidades

Última atualização: 11 , maio 2019 - 17:05

Seguindo com a operação abre alas, que se iniciou na segunda-feira 25, a Polícia Rodoviária Federal no Piauí atuou, nos dias 25 e 26 de fevereiro, na região do município de Piripiri.

A operação pré-carnaval na região fiscalizou mais de 210 automóveis e pessoas nos dois dias de fiscalização e retirou de circulação 38 veículos por irregularidades não sanadas no local, como licenciamentos vencidos, ausência de condutores habilitados e falta de equipamentos obrigatórios. Em sua maioria, os veículos irregulares se tratavam de motocicletas.

Um total de 158 autos de infração foram lavrados pelos agentes. Mais uma vez, o destaque para as autuações foi em relação a motociclistas sem o capacete de segurança. Dessa vez foram 37 flagrantes pela equipe PRF. Os condutores foram autuados pela infração gravíssima no valor de R$ 293,47 além de somarem 7 pontos no prontuário da CNH e terem processo administrativo para a suspensão da mesma. Já os testes de alcoolemia acusaram somente um condutor sob efeito de álcool, de um total de 23 testes realizados.

A PRF segue com a operação abre alas até o dia 28 deste mês, com trabalhos pontuais em localidades estratégicas no intuito de retirar de circulação veículos e condutores em desacordo com as normas de trânsito brasileiro, visando o grande movimento nas estradas no feriado de carnaval que se aproxima.

INVESTIGAÇÃO

Operação Topique: MPF diz que em quatro anos empresas investigadas receberam 297 milhões

Operação Topique: MPF diz que em quatro anos empresas investigadas receberam 297 milhões

Publicada em 29 de janeiro de 2019 - 15:35

Imprimir
Operação Topique: MPF diz que em quatro anos empresas investigadas receberam 297 milhões

Última atualização: 29 , janeiro 2019 - 16:27

Em entrevista coletiva na manhã desta terça-feira, 29, representantes do Ministério Público Federal deram informações sobre os avanços da Operação Topique, que investiga desvio de recursos do Programa Nacional de Apoio ao Transporte Escolar (Pnate) e no Fundo de de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb).

O esquema envolvia a prática de fraudes a licitações realizadas por empresas e gestores públicos, seguida do desvio de recursos mediante a subcontratação irregular e  superfaturamento dos valores cobrados junto aos entes públicos.

Segundo o órgão, entre 2013 e 2017, as empresas investigadas receberam cerca de R$ 297 milhões, pagos por mais de 40 prefeituras e pelo Estado do Piauí, envolvendo a prestação de serviços de transporte escolar e locação de veículos.

De acordo com o MPF,  no dia 21 de janeiro,  22 pessoas à Justiça pelos crimes de corrupção ativa e passiva, lavagem de dinheiro e organização criminosa. Dos denunciados, apenas o empresários Luiz Carlos Magno Silva e Lívia de Oliveira Saraiva permanecem presos. Esta última em regime domiciliar.

Luiz Carlos é apontado como chefe da organização. O MPF destaca que ele exerceu cargo de professor efetivo da Secretaria Estadual de Educação de 1998 a julho de 2014. Em 2009, Luiz assumiu o cargo de superintendente institucional da Seduc, sendo responsável por estabelecer contatos com gestores públicos e definir políticas públicas de transporte escolar.

Operação combate o tráfico de drogas em São João da Fronteira

Publicada em 24 de janeiro de 2019 - 15:31

Imprimir
Operação combate o tráfico de drogas em São João da Fronteira

Última atualização: 24 , janeiro 2019 - 15:31

Dinheiro e drogas apreendidos

A Polícia Civil do Piauí, por meio da Delegacia de Piracuruca, com apoio operacional da Divisão de Operações Especiais – D.O.E e da Delegacia Regional de Piripiri, deflagrou na manhã de hoje (24) operação policial para desarticular o tráfico de drogas na cidade de São João da Fronteira/PI.

Ao todo foram cumpridos 05 (cinco) mandados de busca e apreensão em imóveis tanto na zona urbana quanto na zona rural. Durante a operação foram encontrados: um revólver calibre .38 com numeração raspada, 07 munições de mesmo calibre, um “tablete ou tijolo” de maconha, três trouxinhas de maconha, balança de precisão, muito dinheiro trocado e 06 celulares. A operação resultou na condução em flagrante de Antonio Rogério Araújo Filho, vulgo Junior, e Francisco Jorge de Sousa Ximenes.

“Há alguns meses a equipe de investigação da Delegacia de Piracuruca vinha realizando levantamentos e investigações de possíveis pontos de vendas de drogas naquele município, o qual faz fronteira com Tianguá/CE e vem sofrendo muito com o aumenta da criminalidade. A operação foi positiva. Esperamos ter trazido benefícios e um pouco mais de paz para a população daquele município com essa operação”, afirmou o Delegado Hugo de Alcântara, titular da Delegacia de Polícia Civil de Piracuruca/PI.

Operação “Cocais Seguro” apreende armas e prende foragidos na região Norte

Publicada em - 15:25

Imprimir
Operação “Cocais Seguro” apreende armas e prende foragidos na região Norte

Última atualização: 24 , janeiro 2019 - 15:25

Operação acontece na região Norte do Piauí

A Força Tarefa da Secretaria Estadual de Segurança Pública realiza “Operação Cocais Seguro”, na manhã desta quinta-feira (24), na região dos Cocais, no Norte do estado.

Nas primeiras horas do dia, nos municípios de Nossa Senhora dos Remédios e Porto, policiais da Força Tarefa realizaram apreensões de duas armas de fogo, celulares, duas motocicletas e quatro prisões, sendo três homens foragidos do sistema prisional e um por porte ilegal de arma. Os presos durante a operação foram identificados como Silvestre Freitas de 25 anos, Arnaldo dos Santos Castro de 48 anos, Pedro Alves Ferreira da Silva de 31 anos e Raimundo Nonatos Mendes de 40 anos de idade.

A operação segue durante todo o dia abrangendo também as cidades de Barras e Esperantina. De acordo com o coordenador da Força Tarefa, major Audivam Nunes, a ação tem o objetivo de inibir e reduzir o número de furto e roubo na região. “A gente está atendendo um pedido da população, além de atuarmos na capital, a Secretaria de Segurança também vai expandir essas ações para vários municípios piauienses”, concluiu.

Balanço

Operação Fim de Ano registra três mortes nas rodovias do Piauí

O número de mortes apresentou uma redução em relação a Operação Natal que registrou seis mortes. 

Publicada em 2 de janeiro de 2019 - 18:32

Imprimir
Operação Fim de Ano registra três mortes nas rodovias do Piauí

Última atualização: 2 , janeiro 2019 - 19:23

A Operação Fim de Ano, promovido pela Polícia Rodoviária Federal do Piauí (PRF/PI), divulgou na manhã desta quarta-feira, (02/01), o balanço que aponta três mortes nas rodovias do Piauí e um total de 13 acidentes.

O número de mortes apresentou uma redução em relação a Operação Natal que registrou seis mortes.

Segundo a PRF/PI, houve um aumento de 83% do efetivo que trabalhou durante a operação, o que contribuiu para o aumento de fiscalização de veículos, sendo mais de 4.700 veículos fiscalizados.

“Apesar de ainda termos registrados casos de embriaguez, o que observamos foi uma redução no número de infração no trânsito quanto a bebida alcoólica em relação ao feriado de Natal. Podemos perceber que a comunidade começa a entender como é importante evitar a bebida alcoólica e precisamos reduzir mais ainda esse número”, pontuou o inspetor Doriedson Viana.

Outros dados registrados pela PRF/PI apontam: 1.485 imagens de veículos que apresentavam excesso de velocidade, além de 541 ultrapassagens indevidas, no natal foram somente 184 autuações por ultrapassagem. E ainda, os casos de alcoolemia também tiveram uma redução em relação ao natal, durante a virada de ano apenas 38 casos foram registrados, enquanto que no feriado anterior a PRF registrou 74 casos.

FISCALIZAÇÃO

Mais de 70 mortes registradas na Operação Proclamação da República

Apesar da redução de acidentes e feridos em relação ao mesmo período do ano passado, em compensação o número de mortes se manteve, com a diferença de uma morte a mais este ano. 

Publicada em 19 de novembro de 2018 - 17:14

Imprimir
Mais de 70 mortes registradas na Operação Proclamação da República

Última atualização: 22 , novembro 2018 - 10:48

A Polícia Rodoviária Federal do Piauí (PRF/PI), por meio da Operação Proclamação da República, aponta 243 acidentes graves com 74 mortes nas rodovias do  país. A Operação teve início as zero hora de quarta-feira, (14/11) e teve fim na meia-noite de domingo, (18/11).

Apesar da redução no número de acidentes e vítimas feridas em relação ao mesmo período do ano passado, em compensação o número de mortes praticamente se manteve, com a diferença de uma morte a mais este ano.

Estes percentuais confirmam o indicativo percebido nos últimos 5 anos relacionados à redução constante no total de ocorrências de trânsito nas rodovias federais brasileiras, mas também revela que a gravidade dos acidentes ainda é preocupante, pois mesmo com as quedas nos números de acidentes graves e feridos, o número de óbitos não seguiu esta mesmo tendência, apresentando estabilidade durante o feriado (aumento de 1%).

INFRAÇÕES

Na batalha contra a embriaguez ao volante a Polícia Rodoviária Federal realizou 32.915 testes de alcoolemia; destes, 750 motoristas foram reprovados. Em outras palavras, a PRF retirou de circulação centenas de condutores que eram potenciais causadores de acidentes.
Durante as ações de fiscalização, que alcançaram 105.118 pessoas e 102.396 veículos, diversas outras infrações foram constatadas ao longo do feriado. Em relação às ultrapassagens indevidas, um dos comportamentos mais perigosos percebidos nas rodovias, 4.143 condutores foram flagrados e punidos. Quanto ao não uso do cinto de segurança por parte do motorista ou passageiro, a PRF registrou 2.461 casos. Pelo fato de não usar os equipamentos obrigatórios para transportar crianças nos veículos (bebê conforto, cadeirinha e assento de elevação), 332 pais foram autuados por desobedecer a lei, um aumento de 81% em relação ao ano anterior, quando foram registrados 183 destes flagrantes.

CRIMINALIDADE

Combate à criminalidade – Ao longo dos quatro dias de operação a PRF prendeu 495 pessoas pela prática de diversos crimes. O órgão apreendeu aproximadamente um toneladas de maconha (993 kg). Houve também apreensão de cigarros contrabandeados, num total de 120 mil pacotes

PRF

Operação Dia do Piauí registra duas mortes 31 pessoas feridas

Publicada em 22 de outubro de 2018 - 12:38

Imprimir
Operação Dia do Piauí registra duas mortes 31 pessoas feridas

Última atualização: 22 , outubro 2018 - 12:38

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) divulgou nesta segunda-feira (22/10), o resultado da Operação Dia do Piauí, que aconteceu nos dias 19, 20 e 21 de outubro deste ano. Ao todo, foram registradas três mortes nas rodovias piauienses e 31 pessoas ficaram feridas.

Os dados também revelam cinco acidentes graves com mortos e feridos. Durante a ação também ocorreu a Operação de Trânsito e Transporte a (OTETRAN), da qual participaram polícias especialistas de cinco estados brasileiros, além de apoio da PM-PI e da STRANS.

As equipes fiscalizaram 1.464 veículos fiscalizados, 1.553 pessoas fiscalizadas e 784 testes de alcoolemia realizados, gerando cerca de 500 autuações, outras três pessoas foram detidas.

operação Nossa Senhora Aparecida

Feriadão termina com 14 acidentes e cinco pessoas presas

PRF realiza mais de 600 autuações durante operação no feriadão

Publicada em 15 de outubro de 2018 - 12:52

Imprimir
Feriadão termina com 14 acidentes e cinco pessoas presas

Última atualização: 15 , outubro 2018 - 16:33

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) divulgou na manhã desta segunda-feira (15/10), o balanço de ações durante a operação Nossa Senhora Aparecida 2018. Os trabalhos aconteceram de 11 a 14 de outubro nas rodovias piauienses.

Segundo os dados, foram registrados 14 acidentes, com 10 pessoas feridas e duas mortes. Embora três pessoas tenham vindo a óbito durante a operação, a PRF contabiliza somente mortes no local do acidente. Uma das vítimas de acidente chegou a ser socorrida, mas faleceu no hospital e não entrou na estatística divulgada pelo órgão.

Além disso, foram realizadas 623 autuações, sendo elas: alcoolemia (12), seguido de condutores sem uso de capacete (53), ultrapassagem indevida (112), excesso de velocidade (499). Outras cinco pessoas foram presas por crimes diversos.

A PRF não comparou os números com a operação realizada em 2017, pois o feriado caiu numa quarta-feira.