Delegacia Geral finaliza dia de operação com 34 prisões no Piauí

Publicada em 10 de julho de 2019 - 8:45

Imprimir
Delegacia Geral finaliza dia de operação com 34 prisões no Piauí

Última atualização: 10 , julho 2019 - 18:15

A Delegacia Geral de polícia finaliza esta quarta-feira (10) de Operação Impacto com 34 prisões, apreensão de um menor de idade, além de quatro armas de fogo, entorpecentes e dinheiro. Segundo o delegado Luccy Keiko, os acusados respondem a acusações de homicídio, furto, assalto e outros crimes.

Entre as cidades onde ocorreram as prisões estão: Teresina, Altos, São João do Piauí, Piripiri, Parnaíba, Uruçuí, Água Branca, Oeiras, Inhuma, José de Freitas, Pedro II, Picos, Floriano, Piracuruca e nas cidades maranhenses de Timon e Bacabal.

A operação foi deflagrada por determinação do Delegado Geral Luccy Keiko, sob coordenação do Gerente de Polícia Especializada, Delegado Matheus Zanatta, com o intuito de dar cumprimento a mandados de prisão, assim como realizar ações em casos de flagrante.

Entre os crimes evidenciados estão os de furtos, roubos, estelionatos, tráfico de drogas, estupros, homicídios e outros.

A Operação Impacto prossegue sendo realizado novo balanço com resultados da ação nesta quinta-feira (11/07).

As prisões foram realizadas em Teresina, Altos e Inhuma. Porém, de acordo com o delegado geral, outros municípios serão alvo da operação, que se estenderá ao longo do mês de julho.

“Até agora nós temos nove prisões, mas esse número deverá aumentar porque vamos estender essa operação ao longo do mês, buscando dar cumprimento a mandados que estão em aberto”, destaca.

Um dos presos é José Alves da Silva, capturado no bairro Anita Ferraz, em Teresina. Os nomes dos demais serão divulgados pela Secretaria de Segurança.

Os nomes divulgados de presos presos são:

– Valmir José da Silva – preso em Inhuma por posse de arma de fogo

– Antônio Soares Farias Filho, vulgo, Pequeno. Prisão Preventiva – homicídio

– Danilo Pereira de Oliveira/ Roubo

– Marlene Rodrigues da Silva/ Tráfico de Drogas

– Elton felipe de sousa/ Furto Qualificado

– Leônidas Alves da Silva/ Roubo

– Jailson de Oliveira Morais/ Roubo

– Maciel José Alves da Silva/ condenações por roubos

– Vitório de Sousa Lopes/homicídio- Água Branca

– Helio Alves Ferreira/ Roubo Majorado e Estupro

– Ibrahin Santos Silva/ Roubo Majorado

Ampliada às 18h12

Leilane Nunes

Polícia prende acusados de falsificação de documentos para vistos americanos

Publicada em 2 de julho de 2019 - 10:36

Imprimir
Polícia prende acusados de falsificação de documentos para vistos americanos

Última atualização: 2 , julho 2019 - 13:14

A Delegacia Geral realizou, nesta terça-feira (02), a operação Visto Fake para apurar o uso de documentos falsos na aquisição de vistos americanos. Ao todo, foram expedidos três mandados de prisão e cinco mandados de busca e apreensão.

Entre os presos estão Antonio Nonato Lima Neto e José Arimatéia Oliveira Lima.

Os mandados foram cumpridos nas cidades de Teresina e Assunção do Piauí. Segundo a Secretaria de Segurança Pública do Estado, a investigação conta com o apoio do Consulado Geral dos Estados Unidos em Recife e do Laboratório de Inteligência Cibernética, além dos núcleos ligados à SSP.

Leilane Nunes

Gaeco e PC fazem operação contra grilagem de terras e milícia em Teresina e Luis Correia

Publicada em 28 de maio de 2019 - 13:09

Imprimir
Gaeco e PC fazem operação contra grilagem de terras e milícia em Teresina e Luis Correia

Última atualização: 10 , junho 2019 - 07:47

O Ministério Público do Estado do Piauí, por meio do Gaeco, e a Polícia Civil do Piauí deflagraram na manhã de hoje (28), em Luís Correia e Teresina, as operações “Nullius Terram” e “Sal da Terra”, a fim de dar cumprimento a dez mandados de busca e apreensão e a um mandando de prisão.

As operações têm como objetivo, respectivamente, apurar a prática de grilagem de terras e investigar a formação de milícia armada, no município de Luís Correia.

A mobilização tem por finalidade o levantamento de elementos probatórios a serem utilizados nas investigações coordenadas pelo Ministério Público.

Da Redação

PF prende família e dois funcionários acusados de fraude ao INSS no Piauí

Publicada em 15 de maio de 2019 - 11:57

Imprimir
PF prende família e dois funcionários acusados de fraude ao INSS no Piauí

Última atualização: 10 , junho 2019 - 07:47

A Polícia Federal prendeu sete pessoas da mesma família e dois funcionários do Instituto Nacional de Seguridade Social (INSS) na manhã desta quarta-feira (15). A quadrilha é acusada de fraudar a Previdência com o auxílio de pessoas que transferiam benefícios do Maranhão para o Piauí após a morte dos titulares.

Segundo a investigação, 639 benefícios previdenciários fraudados foram identificados. Foram cumpridos 21 mandados de prisão e 31 de busca e apreensão expedidos pela 3ª Vara Federal de Teresina. Desde às 5h30 de hoje, 125 policiais dos estados do Piauí, Ceará, Maranhão, Rio Grande do Norte, Paraíba e Pernambuco participam da operação.

A Justiça Federal determinou a suspensão dos benefícios em que foram atestadas as fraudes, medida que evitará um prejuízo futuro estimado em R$ 80 milhões. Foi determinada ainda a apreensão de veículos, bloqueio das contas bancárias dos presos e a suspensão do exercício da função pública para os servidores do instituto.

Os investigados deverão responder pelos crimes de associação criminosa (artigo 288 do CPB), estelionato qualificado (artigo 171, § 3º, do CPB), falsidade ideológica (artigo 299 do CPB), uso de documento falso (artigo 304 do CPB), corrupção passiva (artigo 317, §1º, do CPB) e corrupção ativa (artigo 333, p. u., do CPB).

Leilane Nunes

Polícia civil faz operação e prende nove acusados de estupros no Piauí

Publicada em 10 de maio de 2019 - 8:28

Imprimir
Polícia civil faz operação e prende nove acusados de estupros no Piauí

Última atualização: 10 , junho 2019 - 07:48

A Polícia Civil realiza nesta sexta-feira (10) a operação Indignus para prender 11 acusados de estupro no Piauí. Um dos acusados é ex-funcionário do Banco do Brasil e foi preso no município de Piracuruca. Até o momento, nove foram presos.

Segundo o delegado Willame Moraes, coordenador da Divisão de Captura da Polícia Civil, a grande maioria das vítimas desses acusados são pessoas dos círculos familiares. “Temos também um ex-militar que está sendo acusado de estuprar a filha menor de idade na época do crime. Temos casos gravíssimos. Tem um tio acusados de estuprar uma sobrinha de dois anos”, disse.

Entre os presos estão: Leandro da Silva Martins; Jesus James dos Santos Silva; Ismael da Silva; Francisco Carlos Mesquita de Moraes
Francisco das Chagas Escórcio de Meneses; Francisco Darlan Sales da Silva; e Wiliam “Maguim”.

“O estupro ofende a dignidade sexual. Escolhemos essa data por conta do mês das mães e não existe mulher mais importante para o ser humano do que a mãe. O estupro é um crime hediondo e exige um cumprimento de pena exemplar”, explica Willame Moraes.

Ainda de acordo com o delegado, há a intenção de dar mais estrutura para a Divisão de Captura da Polícia Civil no sentido de transformá-la em delegacia. “Temos hoje mais de 6 mil mandados de prisão em aberto. Para isso temos que ter mais estrutura. Temos crimes violentos, hediondos, com mandados de prisão em aberto. Fazemos esse tipo de operação para chamar a atenção da sociedade para esses tipos de crimes”, destaca.

Leilane Nunes

Operação Tapa-Buracos recupera ruas de Teresina

Publicada em 29 de abril de 2019 - 11:59

Imprimir
Operação Tapa-Buracos recupera ruas de Teresina

Última atualização: 10 , junho 2019 - 07:44

A Prefeitura de Teresina segue investindo na recuperação de vias desgastadas pelo período chuvoso com ações da Operação Tapa-Buracos em toda a cidade. No início desta semana cinco equipes estão espalhadas pelas zonas Leste, Sul e Norte, tapando cerca de 800 buracos na capital.

“Realizamos um planejamento de ações com as ruas que apresentam maior prioridade e também por meio de solicitações da própria população no aplicativo da Prefeitura, o Colab. São 120 toneladas de asfalto aplicadas diariamente, representando um investimento mensal de R$ 800 mil na recuperação emergencial das vias em maior estado crítico”, explica Daniel Pereira, coordenador de asfaltamento da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano e Habitação (Semduh).

Confira os locais onde as equipes da Operação Tapa-Buracos atuarão nesta segunda (29) e terça-feira (30):

1- Estrada do Soinho (Leste)

2- Estrada da Cacimba Velha (Leste)

3- Rua Angélica (Leste)

4- Rua Elias João Tajra (Leste)

5- Av. Dom Severino (Leste)

6- Av. Caçapava e linha de ônibus Anita Ferraz (Norte)

7- Ruas do distrito industrial – Saci (Sul)

8- Estrada da Alegria e Cantinho (Sul)

9- Rua Senador Joaquim Pires (Leste)

10- Av. Homero Castelo Branco (Leste)

11- Diversas solicitações via Colab

Demandas da População

A população pode solicitar os serviços da Operação Tapa-Buracos por meio da Ouvidoria do Município, pelo telefone (86) 3221-7050, diretamente com a SEMDUH ou por meio do COLAB.re, o aplicativo para celular disponível gratuitamente para todos os aparelhos com sistema Android ou IOS lançado pela Prefeitura de Teresina para solicitações e/ou reclamações.

 

Da Redação

Greco prende 10 acusados de participação nos incêndios a ônibus em Teresina

Publicada em 26 de abril de 2019 - 7:42

Imprimir
Greco prende 10 acusados de participação nos incêndios a ônibus em Teresina

Última atualização: 10 , junho 2019 - 07:44

Na operação Ignis, comandada pelo Grupo de Repressão ao Crime Organizado na manhã desta sexta-feira (26), foram presos 10 acusados de participação nos incêndios a ônibus coletivos ocorridos em Teresina no mês de março. Também foram cumpridos 11 mandados de busca e apreensão tanto na capital como em Timon (MA).

Segundo a Secretaria Estadual de Segurança, foram presos:

– Leonardo Oliveira da Costa (conhecido como Léo Gordinho)
– Alandilson Cardoso Passos
– Jardielson dos Santos Souza (conhecido como Dielsin do Afegão)
– David Breno da Silva Limeira (conhecido como Deivinho)
– John Pablo Ferreira de Araújo
– um menor de iniciais W.M. C.G também foi apreendido

Outros cinco mandatos de prisão são para pessoas que já estão cumprindo pena no sistema prisional. São eles: Marcos Willian da Silva (conhecido como Butiê); Gregório Rodrigues de Sousa (Psico); Matheus Pierre dos Santos (Guerreirinho); Tiago Henrique Portela Gomes (o Fantasma);
e Antoniel Kelson dos Santos (Toniel).

A operação Ignis contou com a Diretoria de Inteligência da SSP, Depre, Polinter e Dnarc da cidade de Timon.

No dia 09/03, um menor foi apreendido sob acusação de ter incendiado dois coletivos na garagem da empresa Transcol. A apreensão foi feita no povoado Cerâmica Cil pela Companhia Independente do Promorar.

Leilane Nunes

CRIMES

Operação prende oito mulheres acusadas de tráfico de drogas, roubos e homicídios

Todos os mandados têm como alvo pessoas do sexo feminino que praticaram crimes de Tráfico de Drogas, Roubo Majorado e Lesão Corporal de Natureza Grave.

Publicada em 29 de março de 2019 - 16:40

Imprimir
Operação prende oito mulheres acusadas de tráfico de drogas, roubos e homicídios

Última atualização: 10 , junho 2019 - 07:43

A Polícia Civil do Piauí, por meio da Divisão de Captura -Dicap, desencadeou nas primeiras horas desta sexta-feira (29) a Operação “Águas de Março “, que visa dar cumprimento a mandados de prisões nos estados do Piauí, cidades de Teresina e Joaquim Pires, e Maranhão, cidade de Timon.

Todos os mandados têm como alvo pessoas do sexo feminino que praticaram crimes de Tráfico de Drogas, Roubo Majorado e Lesão Corporal de Natureza Grave.

A operação conta com o auxílio da Delegacia Regional de Timon, Greco, DOE, 25 DP e da Força Tarefa da SSP.

O nome da Operação “Aguas de Março “ refere-se ao fechamento de uma “Estação “, um ciclo ou uma etapa, pois assim como as Águas de Março fecham o Verão, no caso específico da Operação, fecha-se o ciclo das ações criminosas dessas mulheres.

Entre as presas estão:

1. FERNANDA DE LIMA, (condenada a 07 anos e 04 meses e 26 dias de prisão, Art.157);
2. KAYSA EVYLA DO CARMO SOUSA, (condenada a 07 anos e 05 meses de prisão, Art.157);
3. MARIA AUXILIADORA DO NASCIMENTO SILVA, (Mandado de Prisão Preventiva, Art. 129).
4. ANTONIA ALVES DO RÊGO, Tráfico de Entorpecentes;
5. JACIARA MARIA DA SILVA SOUSA, (Condenada a 05 anos e 10 meses de prisão);
6. SONIA MARIA DA CONCEIÇÃO SOUSA, Prisão Preventiva, Art. 155;
7. SANDRA MARIA DA SILVA, (Condenada a 07 anos e 02 meses de prisão);
8. Michele Theyla Silva Oliveira, (Condenada a 07 anos e 02 meses de prisão);

MENORES

Polícia deflagra operação contra a pedofilia e porteiro é preso com material pornográfico

Os mandados de busca e apreensão foram expedidos pela Justiça e o foco da operação Luz da Infância é o combate à pedofilia

Publicada em 28 de março de 2019 - 15:35

Imprimir
Polícia deflagra operação contra a pedofilia e porteiro é preso com material pornográfico

Última atualização: 10 , junho 2019 - 07:43

A Polícia Civil do Piauí deflagrou nas primeiras horas da manhã desta quinta-feira (28/03) Operação Luz da Infância, e deu cumprimento a mandados de busca e apreensão no Piauí. A ação foi desenvolvida pela Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente, Grupo de Repressão ao Crime Organizado e Diretoria de Inteligência da Secretaria de Segurança Pública.

Os mandados de busca e apreensão foram expedidos pela Justiça e o foco da operação Luz da Infância é o combate à pedofilia. A operação tem abrangência nacional e é a quarta edição desse programa de combate à violência sexual contra crianças, precipuamente o compartilhamento e armazenamento de pornografia infantil.

O delegado geral da Polícia Civil do Piauí,  Luccy Keiko,  informou que quatro mandados de busca e apreensão foram cumpridos no Piauí e um porteiro de 45 anos, que trabalha em condomínio na zona Leste de Teresina, foi preso em flagrante.

O preso não teve a identidade revelada. Ele é casado, pai de dois filhos e foi preso em casa na zona Norte de Teresina, no residencial Jacinta Andrade. Os policiais apreenderam o computador do porteiro.

“Ele passava o dia todo baixando esse material pornográfico infantil, fotos e vídeos, cenas repugnantes. Ele está sendo autuado em flagrante neste momento. Ele passava o dia inteiro baixando cenas de sexo com criança e adolescente, armazenando esse material. Foi apreendido um vasto material”, disse o delegado geral.

O preso será ouvido ainda hoje (28). A prisão foi realizado em parceria pela Delegacia de Proteção a Criança e ao Adolescente (DPCA), Greco e Departamento de Inteligência da Secretaria de Segurança.

ABRE ALAS

Operação da PRF chega em Piripiri e retira 38 veículos de circulação por irregularidades

Operação da PRF chega em Piripiri e retira 38 veículos de circulação por irregularidades

Publicada em 27 de fevereiro de 2019 - 11:31

Imprimir
Operação da PRF chega em Piripiri e retira 38 veículos de circulação por irregularidades

Última atualização: 11 , maio 2019 - 17:05

Seguindo com a operação abre alas, que se iniciou na segunda-feira 25, a Polícia Rodoviária Federal no Piauí atuou, nos dias 25 e 26 de fevereiro, na região do município de Piripiri.

A operação pré-carnaval na região fiscalizou mais de 210 automóveis e pessoas nos dois dias de fiscalização e retirou de circulação 38 veículos por irregularidades não sanadas no local, como licenciamentos vencidos, ausência de condutores habilitados e falta de equipamentos obrigatórios. Em sua maioria, os veículos irregulares se tratavam de motocicletas.

Um total de 158 autos de infração foram lavrados pelos agentes. Mais uma vez, o destaque para as autuações foi em relação a motociclistas sem o capacete de segurança. Dessa vez foram 37 flagrantes pela equipe PRF. Os condutores foram autuados pela infração gravíssima no valor de R$ 293,47 além de somarem 7 pontos no prontuário da CNH e terem processo administrativo para a suspensão da mesma. Já os testes de alcoolemia acusaram somente um condutor sob efeito de álcool, de um total de 23 testes realizados.

A PRF segue com a operação abre alas até o dia 28 deste mês, com trabalhos pontuais em localidades estratégicas no intuito de retirar de circulação veículos e condutores em desacordo com as normas de trânsito brasileiro, visando o grande movimento nas estradas no feriado de carnaval que se aproxima.