CAMPANHA DE VACINAÇÃO

Cães e gatos das zonas sul e sudeste devem ser vacinados neste sábado (10)

Ao todo, 129 postos estarão imunizando cães e gatos durante todo o dia nas duas regiões

Publicada em 9 de novembro de 2018 - 13:39

Imprimir
Cães e gatos das zonas sul e sudeste devem ser vacinados neste sábado (10)

Última atualização: 9 , novembro 2018 - 13:39

Mais de 55 mil animais domésticos das zonas sul e sudeste precisam ser vacinados neste sábado (10), quando acontece a segunda etapa da campanha de vacinação contra a raiva em Teresina. Desta vez, serão 129 postos imunizando cães e gatos entre as 8h e as 17h. A abertura oficial desta segunda etapa acontecerá a partir das 8h30 na Unidade Básica de Saúde do Monte Castelo.

Esta segunda etapa da vacinação contra a raiva encerra a imunização na zona urbana. Nos dias 24 de novembro e 1° de dezembro acontece a vacinação na zona rural da capital. Ao fim da campanha, a expectativa é que mais de 140 mil cães e gatos sejam imunizados em todo o município. Oriana Bezerra, veterinária chefe da Gerência de Zoonoses, pede que as pessoas levem seus animais para vacinar nos horários em que o sol não esteja muito quente, para evitar estresse nos cães e gatos. “Existem muitos animais que não realizam nenhuma atividade física e que estão acima do peso, que se os donos o levarem caminhando ao meio dia para se vacinar e voltar imediatamente, ele pode ser prejudicado”, enfatiza.

Ela pede ainda que pessoas com capacidade de conter os animais levem os mesmos para a vacina. “Porque percebemos que muitas crianças levam os animais e elas não têm força para conter o animal na hora da vacina, além de idosos sem condição física para segurar um animal de médio e grande porte, por isso fazemos essa ressalva”, esclarece Oriana.

Na primeira etapa, realizada no último sábado (03), foram vacinados 60.264 animais, sendo 45329 cães e 14935 gatos. A meta para a região era de 63.393 animais, o que totaliza 95,6% de cobertura.

A vacinação é a única forma de prevenção contra a raiva, que pode ser transmitida para o homem e é fatal. A vacina animal, que é segura e gratuita, é constituída por vírus atenuado, 2% de tecido nervoso e conservantes a base de fenol e timerosol.

O último caso de raiva em ser humano em Teresina foi em 1986. Já o último caso de raiva canina foi em 2011 em um cão proveniente do interior do Estado, cujo proprietário é residente de Teresina.Confira aqui a lista dos postos

Campanha de Vacinação

Vacinação contra a raiva: 1ª etapa atinge mais de 95% de cobertura

Publicada em 5 de novembro de 2018 - 18:56

Imprimir
Vacinação contra a raiva: 1ª etapa atinge mais de 95% de cobertura

Última atualização: 5 , novembro 2018 - 18:56

A Fundação Municipal de Saúde (FMS) realizou no sábado, 03 de novembro, a primeira etapa da Campanha Urbana de Vacinação Antirrábica em Teresina, contemplando as zonas Norte e Leste. A cobertura no primeiro dia atingiu mais de 95% dos cães e gatos das duas regiões.

Segundos dados da Gerência de Zoonoses da FMS, foram vacinados 60.264 animais, sendo 45329 cães e 14935 gatos. A meta para a região era de 63.393 animais, totalizando 95,6% de cobertura. “Temos boa adesão por parte da população, que comparece todos os anos aos postos de vacinação com seus animais. Mas não podemos deixar de ficar em alerta e continuar vacinando para mantermos os bons índices”, comenta a gerente Oriana Bezerra.

A campanha da etapa urbana deste ano foi dividida em dois momentos. A próxima etapa acontece nas zonas Sul e Sudeste, no próximo sábado (10). Em seguida vem a zona Rural, que segundo Oriana Bezerra, gerente de Zoonoses da FMS, está prevista para os dias 24/11 e 01/12. “A meta é imunizar mais de 140 mil animais juntando as zonas urbana e rural”, esclarece Oriana Bezerra.

A vacinação é a única forma de prevenção contra a raiva, que pode ser transmitida para o homem e é fatal. A vacina animal, que é segura e gratuita, é constituída por vírus atenuado, 2% de tecido nervoso e conservantes a base de fenol e timerosol. “As vacinas dos animais são produzidas com o mesmo cuidado que a dos humanos, e não há reaproveitamento de agulhas, porque nós respeitamos tanto os animais quanto os humanos que cuidam deles”, disse a diretora de Vigilância em Saúde da FMS, Amariles Borba.

O último caso de raiva em ser humano em Teresina foi em 1986. Já o último caso de raiva canina foi em 2011 em um cão proveniente do interior do Estado, cujo proprietário é residente de Teresina.

Imunização

Campanha contra polio e sarampo será lançada nesta terça

A campanha iniciará na próxima segunda-feira, (06/07), e terminará no final deste mês. 

Publicada em 30 de julho de 2018 - 17:26

Imprimir
Campanha contra polio e sarampo será lançada nesta terça

Última atualização: 30 , julho 2018 - 17:26

O ministro da Saúde, Gilberto Occhi, vai promover nesta terça-feira, (31/07), na sede da instituição, o lançamento da Campanha Nacional de Vacinação contra a poliomielite e o sarampo. A campanha iniciará na próxima segunda-feira, (06/07), e terminará no final deste mês.

O órgão tem alertado sobre o risco da volta de doenças que já não circulavam no Brasil, como é o caso do sarampo. No ano passado, o Brasil não registrou casos de sarampo, mas 1.686 casos foram notificados entre janeiro e junho desse ano, conforme números da OMS (Organização Mundial da Saúde).Os estados do Amazonas e Roraima passam por um surto da doença.

O Ministério da Saúde garante que o vírus veio importado da Venezuela e casos isolados ocorreram em São Paulo, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Rondônia e Pará.

até dia 22 de junho

Campanha de vacinação contra gripe é novamente prorrogada

baixo índice de comparecimento foi o motivo da prorrogação da campanha

Publicada em 14 de junho de 2018 - 11:26

Imprimir
Campanha de vacinação contra gripe é novamente prorrogada

Fonte: Com informações Agência Brasil

Última atualização: 14 , junho 2018 - 11:27

A campanha de vacinação contra gripe, que era para encerrar nesta sexta-feira (15/06), foi adiada pata até o dia 22 de junho. A confirmação é do Ministério da Saúde, que decidiu prorrogar o prazo devido ao baixo índice de comparecimento: 77% do público-alvo foi vacinado em todo o país.

O número é considerado baixo pela pasta, que estabeleceu como meta a cobertura de 90% do público. Desde o início da campanha, no dia 23 de abril, 42,6 milhões de pessoas foram vacinadas.

A região Sudeste é a que possui menor cobertura até agora: 71% do público prioritário foi protegido. Na sequência, estão Norte (72%), Sul (81,3%), Nordeste (84%) e Centro-Oeste (91,4%).

No Piauí, de acordo com os dados da Secretaria de Estado da Saúde (Sesapi), a cobertura vacinal foi de 80, 95% até a última terça-feira (12/06).

 

 

dados

Piauí registra 80,95% da cobertura vacinal contra gripe

Mesmo com a prorrogação da campanha, não serão disponibilizadas mais doses aos municípios. 

Publicada em 13 de junho de 2018 - 11:55

Imprimir
Piauí registra 80,95% da cobertura vacinal contra gripe

Fonte: Com informações Governo do Estado

Última atualização: 13 , junho 2018 - 11:55

A Campanha Nacional de Vacinação contra a gripe contabiliza 557.988 pessoas imunizadas, o que representa 80,95% de cobertura vacinal. Os dados foram atualizados nesta terça-feira (12), pela Coordenação de Imunização, da Secretaria de Estado da Saúde (Sesapi). A campanha segue até o dia 15 de junho.

Ainda de acordo com os números, Teresina e mais 48 municípios alcançaram a meta de cobertura vacinal do público prioritário.

O Estado do Piauí recebeu a totalidade de doses enviadas pelo Ministério da Saúde: 808 mil doses, que foram enviadas para todos os municípios. No entanto, mesmo com a prorrogação da campanha, não serão disponibilizadas mais doses aos municípios.

Vacinação

Teresina recebe mais doses da vacina contra H1N1

A campanha de vacinação segue até o dia 1º de junho e pretende abarcar todo o público prioritário

Publicada em 19 de maio de 2018 - 10:16

Imprimir
Teresina recebe mais doses da vacina contra H1N1

Fonte: Márcia Gabriele

Última atualização: 19 , maio 2018 - 12:15

A Fundação Municipal de Saúde (FMS) recebeu nessa sexta-feira, (18/05), mais de 20 mil doses da vacina contra o vírus H1N1, causador da gripe influenza. Serão abastecidas mais de 100 salas de vacinas por toda Teresina.

O Ministério da Saúde é o órgão responsável por enviar as doses da vacina. Ele decidiu enviar as doses em pequenos lotes ao longo da Campanha Nacional de Vacinação.

Segundo Amparo Salmito, gerente de epidemiologia da FMS, Teresina já recebeu 200 mil doses desde o início da campanha. “A meta é vacinar 193 mil pessoas em toda a capital, número baseado em campanhas anteriores, sem contabilizar o número de professores”, pontuou.

A campanha de vacinação segue até o dia 1º de junho e pretende abarcar todo o público prioritário, que são: indivíduos com 60 anos ou mais de idade, crianças na faixa etária de seis meses a menores de cinco anos de idade, gestantes, puérperas (mulheres até 45 dias após o parto), trabalhadores da saúde, professores das escolas públicas e privadas, portadores de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições especiais, a população privada de liberdade e os funcionários do sistema prisional.

GRIPE INFLUENZA

A gripe Influenza é uma infecção viral aguda que afeta o sistema respiratório. A transmissão ocorre por meio de secreções das vias respiratórias da pessoa contaminada ao falar, tossir, espirrar ou pelas mãos, que após contato com superfícies recém-contaminadas por secreções respiratórias pode levar o agente infeccioso direto a boca, olhos ou nariz.