Polícia civil faz operação e prende nove acusados de estupros no Piauí

Publicada em 10 de maio de 2019 - 8:28

Imprimir
Polícia civil faz operação e prende nove acusados de estupros no Piauí

Última atualização: 10 , junho 2019 - 07:48

A Polícia Civil realiza nesta sexta-feira (10) a operação Indignus para prender 11 acusados de estupro no Piauí. Um dos acusados é ex-funcionário do Banco do Brasil e foi preso no município de Piracuruca. Até o momento, nove foram presos.

Segundo o delegado Willame Moraes, coordenador da Divisão de Captura da Polícia Civil, a grande maioria das vítimas desses acusados são pessoas dos círculos familiares. “Temos também um ex-militar que está sendo acusado de estuprar a filha menor de idade na época do crime. Temos casos gravíssimos. Tem um tio acusados de estuprar uma sobrinha de dois anos”, disse.

Entre os presos estão: Leandro da Silva Martins; Jesus James dos Santos Silva; Ismael da Silva; Francisco Carlos Mesquita de Moraes
Francisco das Chagas Escórcio de Meneses; Francisco Darlan Sales da Silva; e Wiliam “Maguim”.

“O estupro ofende a dignidade sexual. Escolhemos essa data por conta do mês das mães e não existe mulher mais importante para o ser humano do que a mãe. O estupro é um crime hediondo e exige um cumprimento de pena exemplar”, explica Willame Moraes.

Ainda de acordo com o delegado, há a intenção de dar mais estrutura para a Divisão de Captura da Polícia Civil no sentido de transformá-la em delegacia. “Temos hoje mais de 6 mil mandados de prisão em aberto. Para isso temos que ter mais estrutura. Temos crimes violentos, hediondos, com mandados de prisão em aberto. Fazemos esse tipo de operação para chamar a atenção da sociedade para esses tipos de crimes”, destaca.

Leilane Nunes

Comente através do Facebook