SEGUNDA ETAPA

Equipe do Banco Mundial visita obras da segunda fase do Lagoas do Norte

Na segunda etapa serão feitas obras de drenagem, saneamento, limpeza das lagoas e urbanização no entorno

Publicada em 8 de fevereiro de 2019 - 12:36

Imprimir
Equipe do Banco Mundial visita obras da segunda fase do Lagoas do Norte

Última atualização: 8 , fevereiro 2019 - 12:36

Uma missão do Banco Mundial esteve em Teresina para monitorar o andamento da segunda fase do Programa Lagoas do Norte e conhecer as obras, como o Residencial Parque Brasil, o Parque Mocambinho e a Casa Punaré. Os diretores do banco, Paul Procee e Rita Cestti, foram recebidos pelo prefeito Firmino Filho, pelo secretário municipal de Planejamento, José João, e pelo diretor do PLN, Márcio Sampaio.

Nesta segunda fase, a Prefeitura planeja e já licita a execução de projetos de intervenções em lagoas situadas na região. Serão feitas obras de drenagem, saneamento, limpeza das lagoas e urbanização no entorno e instalação de rede de esgoto, propiciando que se tornem locais de visitação e prática esportiva, melhorando a vida das comunidades.

“Estamos num momento crucial desse projeto, que é muito divulgado dentro e fora do banco, muito bem sucedido, de se trabalhar em cima da questão urbanística, redução de risco, melhoria de toda a parte de saneamento e drenagem numa região metropolitana. Para nós é muito bom estar junto com a Prefeitura nesse projeto. O que nós pudemos ver é que o prefeito tem um compromisso muito forte com o projeto”, avaliou Paul Procee.

A equipe do Banco Mundial conheceu também obras do programa que já foram concluídas tanto na primeira fase, como o Parque Lagoas do Norte, como nesta segunda etapa, como a reforma do Parque Encontro dos Rios.

“É a minha primeira visita a Teresina e realmente estou muito impressionada com o que fizemos na primeira fase do programa Lagoas do Norte e com o que estamos fazendo na segunda fase. Ainda temos muito que fazer, mas já há impactos imediatos que podemos ver, tanto nas obras sociais como nas obras de infraestrutura. Estamos aproveitando a visita de campo para ver o que está passando. Mas creio e tenho a confiança que vamos alcançar nossos objetivos com o projeto e melhorar a qualidade de vida da população de Teresina”, comentou Rita Cestti.

Segundo o prefeito Firmino Filho, esse é um momento importante do Lagoas do Norte, já que estão sendo iniciadas licitações para obras de intervenções significativas na região de abrangência. “É uma satisfação receber essa missão do Banco Mundial para discutirmos o andamento do programa. Para a Prefeitura, é o maior projeto de intervenção multissetorial já planejado e executado no Estado. Estamos em um momento importante do programa, na metade da segunda fase. Nessa etapa, a Prefeitura está licitando importantes obras e estudando alternativas para questões que afetam sobremaneira a vida da população que mora no entorno das lagoas”, finalizou.

 

Comente através do Facebook