atenção

Mais de 12 mil famílias teresinenses podem ter bolsa família bloqueado

Os responsáveis devem se dirigir até uma Unidade Básicas de Saúde (UBS), ou procurar um agente comunitário de saúde

Publicada em 12 de setembro de 2018 - 11:50

Imprimir
Mais de 12 mil famílias teresinenses podem ter bolsa família bloqueado

Última atualização: 12 , setembro 2018 - 11:53

As famílias que estão descumprindo o acompanhamento na área da saúde regulamentado pelo programa Bolsa Família, podem ter o benefício bloqueado ou suspenso.Na capital, de acordo com os dados da Secretaria Municipal de Cidadania, Assistência Social e Políticas Integradas (Semcaspi), mais de 12 mil famílias podem ser atingidas.

 

Os responsáveis devem se dirigir até uma Unidade Básicas de Saúde (UBS), ou procurar um agente comunitário de saúde portando o cartão do Bolsa Família, a Caderneta de Vacinação das crianças e, caso haja, das gestantes. Devem comparecer as crianças menores de 7 anos, mulheres de 14 a 44 anos.

 

Para garantir o recebimento do beneficio social, todas as famílias assumem o compromisso de realizar acompanhamentos de saúde, como avaliação do calendário de vacinação, serviços de pré-natal e saúde do bebê.

 

Além da saúde, também devem ser atendidas condicionalidades de assistência social e educação. Na primeira, observa-se a frequência nos Serviços de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV). E, na educação, acompanha-se o desempenho nas atividades escolares e a frequência escolar por parte das crianças e dos adolescentes.

Com informações FMS

Comente através do Facebook