Violência Doméstica

Vakeira Funkeira revela que marido ameaçava seus filhos

Valeria Funkeira contou que Marcelo Francisco Pereira chegou a ligar para sua mãe, informando para ela se preparar que iria matar a sua filha.

Publicada em 5 de julho de 2018 - 15:09

Imprimir
Vakeira Funkeira revela que marido ameaçava seus filhos

Última atualização: 5 , julho 2018 - 15:09

A cantora Gleyce Mendes, a Vakeira Funkeira, contou em entrevista coletiva realizada na manhã desta quinta-feira, (05/07),  que não denunciou antes as agressões do marido, o empresário Marcelo Francisco Pereira, porque ele ameaçava de morte seus três filhos. O agressor até o momento não foi preso.

Durante a coletiva, Gleyce Mendes revelou ainda que as agressões duraram quatro anos, desde quando ainda viviam na cidade de Valença do Piauí e que piorou ao residirem na capital.

“Aguentei sozinha e sempre procurando proteger a minha família, proteger os meus filhos, primeiramente, porque toda vez que eu ameaçava fazer alguma denúncia ou sair de casa, ele ameaçava os meus filhos. Por isso, eu vivia acuada, amedrontada e longe da minha mãe. Não conhecia ninguém na cidade ondem orava. Eu não tinha em quem me apoiar”, pontou, a vítima que detalhou que a preocupação era maior com os dois filhos  que ela teve no relacionamento anterior.

Gleyce Mendes relembra ainda de uma situação em que de tanto levar socos, chegou a ficar deformada e para esconder o crime, o marido a manteve em cárcere privado por três dias. “Ele me levou para um lugar deserto e me espancou. Minha filha no colo viu tudo. E aí, ele me levou para casa e me trancou em casa, sem ninguém entrar e sem que eu pudesse sair para ninguém ver o estado que eu estava”, contou.

O crime ganhou repercussão local, no dia 18 de junho, quando um vídeo de uma das agressões sofridas por Gleyce foi compartilhada. As imagens mostram no momento em que Marcelo bate e tenta enforcar a esposa, na residência do casal, localizada na zona Sudeste de Teresina

IMPORTÂNCIA DA DENÚNCIA

Apesar de não ter feito a denúncia assim que as agressões tiveram início, Gleyce Mendes encoraja outras mulheres que vivem na mesma situação que ela a formalizar a denúncia e buscar ajuda.

“A minha mãe sabia, mas eu tentava poupar ela de algumas coisas que aconteciam, para ela não ficar triste, porque eu sabia que ela ia sofrer. Ele chegava a ligar para minha mãe, dizendo para ela se preparar para receber o meu corpo, porque iria me matar.  Mas não escondam, gente. Não passem por isso, não aguentem isso como eu aguentei tanto tempo”, finaliza, emocionada.

AGRESSOR NEGA

Mesmo com a comprovação dos exames de corpo de delito e as imagens das agressões, Marcelo Francisco Pereira nega qualquer tipo de agressão contra a esposa. No entanto, as provas serão anexadas ao processo contra o ex-companheiro de Gleyce Mendes.

Comente através do Facebook