Denúncias formalizadas

Mais de 40 idosos tiveram seus direitos violados em Teresina

Dentre as denúncias, as mais comuns são de violação de direitos por negligência de familiares, violência física, psicológica e violação patrimonial.

Publicada em 14 de junho de 2018 - 9:49

Imprimir
Mais de 40 idosos tiveram seus direitos violados em Teresina

Fonte: Márcia Gabriele

Última atualização: 15 , junho 2018 - 09:49

A Secretaria Municipal de Cidadania, Assistência Social e Políticas Integradas (Semcaspi) informou que de janeiro a março deste ano, 44 denúncias de violação nos direitos dos idosos foram formalizadas. Os dados são do Relatório Mensal de Atendimento da Gerência de Proteção Social Especial (GPSE).

Dentre as denúncias, as mais comuns são de violação de direitos por negligência de familiares, violência física, psicológica e violação patrimonial.

De acordo com Daguimar Barbosa, gerente da GPSE, a Semcaspi conta com uma rede de proteção a pessoa idosa formada pelo CRAS, CREAS e as Casas de Acolhimento Institucional para idosos.

A rede de proteção realiza os atendimentos e acompanhamentos e ainda o acolhimento, quando necessário. Vale ressaltar que o acolhimento é sempre a última alternativa, por haver sempre a tentativa de resgate do vínculo familiar”, pontuou.

Segundo Samuel Silveira, secretário da Semcaspi, o combate ao crime contra o idoso precisa ser denunciado por todos que tomarem conhecimento de suas ocorrências.

A violência por si só já é um erro e é um erro maior ainda, quando cometida contra quem pouco pode fazer para se defender, como é o caso dos nossos idosos”, ressaltou.

FORMALIZAÇÃO DE DENÚNCIAS

O Dia Mundial de Conscientização da Violência contra a Pessoa Idosa é celebrado nesta sexta-feira, (15/06), e sensibiliza a sociedade para formalizar a denúncia, que deve ser realizada no CREAS ou pelos números de contato para denúncia, o Disque 100 e o número 153.

Comente através do Facebook