Fiscalização

4 postos já foram autuados por abuso no preço da gasolina em Teresina

O Procon tem feito um levantamento dos preços da gasolina em Teresina e considera valores acima de R$4,70 abusivos e deve ser denunciado.

Publicada em 29 de maio de 2018 - 12:25

Imprimir
4 postos já foram autuados por abuso no preço da gasolina em Teresina

Fonte: Márcia Gabriele

Última atualização: 30 , maio 2018 - 18:38

Com a greve dos caminhoneiros, muitos empresários têm se aproveitado para aumentar o preço, de maneira abusiva, dos produtos para o consumidor. Dentre os produtos mais afetados por essa alta está à gasolina, o gás de cozinha e produtos alimentícios.

Para punir essas empresas, o Procon Piauí iniciou nessa segunda-feira, (28/05), a fiscalização aos postos de combustíveis e as revendedoras de botijão de gás e até o momento já autuou quatro postos.

Segundo Arimateia Marques, fiscal do Procon, os proprietários de combustíveis não estão aplicando o preço que está sendo cobrado nas bombas de gasolina nas placas informativas das vendas de combustíveis.

“Está medida de fiscalização é para prevenir e repreender aqueles proprietários de postos de gasolina que não cometam preços abusivos aos consumidores. Estamos fazendo um levantamento sobre o preço médio da gasolina na capital e punindo aqueles que estão com presos exorbitantes”, explicou.

 

CONSUMIDOR PODE DENUNCIAR

O Procon tem feito um levantamento dos preços da gasolina em Teresina e considera valores acima de R$4,70 abusivos e deve ser denunciado.

Arimateia Marques chama atenção da população que quando for surpreendido com preços cobrados acima da média, que o caso seja denunciado, imediatamente ao Procon.

“Neste momento, pedimos o apoio da população para que nos ajude denunciando aqueles postos combustíveis que estão cobrando pelo combustível valores bem acima da média. A denuncia pode ser feita registrando fotografias e indo a sede do Procon ou mesmo ligando para nosso setor de fiscalização”, esclarece.

Para o consumidor que tem conhecimento de casos abusos em postos de combustíveis e pretende formalizar a denuncia, deve entrar em contato com o setor de fiscalização do Procon, pelo número: (86) 3216-4550.

Comente através do Facebook